Quando vale a pena fazer um seguro de vida

  • Google+
  • LinkedIn

Quando fazer um seguro de vidaÉ normal ficar na dúvida sobre fazer ou não um seguro de vida. Mas se você tem alguém que depende do salário que você ganha – como filhos, marido ou esposa, e pais – vale a pena contratar esse produto. Afinal, se você sofrer um acidente que o impeça de continuar trabalhando, o seguro vai ajudar a sua família pagando uma quantia em dinheiro. E essa mesma ajuda financeira virá quando você morrer.

Seguro de vida não é só para os mais velhos



Um jovem que sustenta a família e não tem dinheiro guardado para uma emergência já pode pesquisar sobre o seguro de vida e contratar um plano. Você não vai pagar tão caro por ele porque as mensalidades mais altas são cobradas de quem tem mais idade. E, se acontecer alguma fatalidade, sua família está amparada com o dinheiro da indenização.

Quanto custa fazer um seguro de vida

Os preços variam de acordo com a idade do segurado, o valor da indenização e os itens cobertos. De acordo com uma pesquisa feita pela associação Proteste, que cuida dos direitos do consumidor, um mesmo seguro de R$ 40 mil variou entre R$ 16 (para uma pessoa de 18 anos) e R$ 213 por mês (para uma de 65 anos). Quanto mais velho, o seguro entende que você está mais próximo de ter uma morte natural, e aí vai cobrar mais caro.

Outro ponto para ficar de olho: informe a seguradora caso tenha alguma doença crônica ou que pode ficar mais séria com o passar do tempo. Isso porque a empresa pode se recusar a pagar a indenização se não tiver sido informada sobre esse quadro.





Conheça agora o Seguro de Auxílio Hospitalar oferecido pelo ToGarantido. Por apenas R$ 20,90 por mês você conta com cobertura em caso de internação, morte acidental ou invalidez permanente. Clique aqui para saber mais.

O que analisar antes de fechar o contrato

Como existem muitas seguradoras no mercado, é importante comparar a cobertura do plano e o preço. Pense que o valor pago pelo seguro deve ser suficiente para cobrir as despesas da sua família por um tempo, caso você não possa mais sustentá-los. Olhe com cuidado o contrato e veja em que situações o seguro vai reembolsar quem depende de você.





Comentários:

Atualmente recebemos centenas de perguntas todos os dias. Com isso, os comentários não serão respondidos mais pela equipe Konkero. A intenção é que os próprios usuários ajudem uns aos outros. Não nos responsabilizamos por erros, omissões ou imprecisões nas nossas respostas uma vez que elas não substituem a orientação de especialistas como advogados, contadores, especialistas em finanças etc. Importante: quando você faz um comentário, ele fica público nessa página após a aprovação da nossa equipe e também será publicado em sua timeline no Facebook de acordo com suas configurações de privacidade. Nos reservamos o direito de excluir comentários considerados inapropriados, ofensivos ou de divulgação de produtos e serviços.