Ranking das motos mais roubadas em 2015

  • Google+
  • LinkedIn

Descubra aqui quais foram as motos mais roubadas em 2015 de acordo com a Susep

15-perguntas-e-respostas-sobre-o-consórcio-de-motos



De acordo com o Índice de Veículos Roubados divulgado pela Superintendência de Seguros Privados (Susep), entre as motos mais vendidas no ano de 2015, a que ficou em primeiro lugar no ranking de roubos ou furtos foram as da marca Honda de até 450 cilindradas.

Em 2015 existiam 99.940,32 motos nestas condições seguradas e em circulação, sendo que destas 2.397 sofreram roubo ou furto, ou seja, um índice de 2,398%.

Este índice nada mais é do que a divisão do número de sinistros (o total de roubos ou furtos), pelo número de motos seguradas em circulação de cada modelo. Os dados são obtidos pelas apólices de seguro que se encontram ativas, bem como pelas informações passadas pelas seguradoras à Susep.

Informações deste tipo são importantes para quem está procurando uma moto para comprar e gostaria de ter uma base do valor do seguro. Caso o índice de sinistros do modelo venha a ser alto, é grande o risco de a seguradora cobrar um valor maior para a proteção dela. Mas não se esqueça de que não é só essa informação que é levada em consideração na hora em que você contrata o seguro, por isso, sempre pesquise e avalie qual é a marca e o modelo que mais atende às suas necessidades.





Ranking das motos mais roubadas em 2015

Abaixo você pode conferir o ranking das motos mais roubadas no ano de 2015

Modelo da moto  Índice de Roubos/Furtos (%) Veículos Expostos N° de Sinistros
HONDA MOTOS ATE 450CC 2,398 99.940 2.397
YAMAHA MOTOS ATE 450CC 2,315 15.549 360
BMW MOTOS ACIMA DE 450CC 2,294 8.630 198
HONDA MOTOS ACIMA DE 450CC 1,995 7.219 144
HARLEY-DAVIDSON MOTOS – TODAS 0,182 9.898 18

Obs: informações obtidas no site da Susep em 7/2/2016.





Comentários:

Atualmente recebemos centenas de perguntas todos os dias. Com isso, os comentários não serão respondidos mais pela equipe Konkero. A intenção é que os próprios usuários ajudem uns aos outros. Não nos responsabilizamos por erros, omissões ou imprecisões nas nossas respostas uma vez que elas não substituem a orientação de especialistas como advogados, contadores, especialistas em finanças etc. Importante: quando você faz um comentário, ele fica público nessa página após a aprovação da nossa equipe e também será publicado em sua timeline no Facebook de acordo com suas configurações de privacidade. Nos reservamos o direito de excluir comentários considerados inapropriados, ofensivos ou de divulgação de produtos e serviços.