O que você deve saber sobre o seguro de auto

  • Google+
  • LinkedIn

Confira tudo o que você deve saber sobre o seguro auto e tire todas as dúvidas antes de contratar o seu!

O que você deve saber sobre o seguro de auto



Quando você faz um seguro auto, você paga um valor para a seguradora e ela protege o seu veículo durante um ano. O que isso quer dizer? Se nesse período de cobertura você sofrer um acidente ou tiver o carro roubado, a empresa reembolsará o valor para arrumar os danos ou dará uma quantia em dinheiro para você comprar um carro novo.

Quem quer fechar um seguro ou já contratou um plano para o veículo, precisa ficar por dentro de algumas regras para entender bem esse serviço. Confira:

Como o preço do seguro auto é calculado

A seguradora leva em conta três informações para montar o preço do seguro.

 1. O perfil do condutor

É uma ficha que você preenche quando contrata o seguro. Você informa os seus dados pessoais e diz se vai usar o carro a trabalho ou não, se vai estacioná-lo na rua ou na garagem etc. Seja verdadeiro porque se você precisar do seguro, a empresa vai checar as informações. E caso ela encontre algo errado, poderá negar o conserto.

2. O modelo do carro

Os veículos têm valores diferentes porque as seguradoras levam em consideração quais estão com chance maior de roubo atualmente – e cada uma faz a própria avaliação. Então, é importante cotar preços em empresas diferentes: se o seu carro for menos visado para outra seguradora, ela cobrará menos na cotação que mandar para você.

3. A cobertura

Normalmente, o seguro básico tem cobertura para batida, incêndio e roubo do seu carro. Mas você sempre pode incluir as proteções que gostaria de ter, desde que pague por isso. E quanto mais serviços você incluir na apólice, mais caro será o valor final. Um exemplo do que você pode pagar a mais é o seguro de danos a terceiros, que cobre os estragos em veículos de outros condutores.



Como usar o seguro auto

Se você bateu o carro, sempre faça no mínimo dois orçamentos do conserto antes de decidir entre usar ou não o seguro. Caso bata em outro veículo (e tiver a culpa por isso), será sua responsabilidade pagar por esse dano. Nesse caso, peça ao dono do carro que faça estes orçamentos do conserto.

Para arrumar o seu carro

Todo seguro tem uma franquia, que é o valor que você paga para acioná-lo e arrumar seu carro. Vamos supor que você fechou uma franquia de R$ 1 mil. Nesse caso, só compensa usar o seguro se o orçamento do conserto for maior do que R$ 1 mil. Então, você deve ligar para a seguradora, acionar o seguro e pagar o valor da franquia. A empresa conserta seu carro e este será seu único gasto.



Para consertar o carro do terceiro

Dependendo do valor para arrumar o veículo, você decide se usará o seguro ou não. Por exemplo, com um orçamento de R$ 500 para consertar os danos, a decisão deve ser: posso gastar esse dinheiro ou não? O seguro para carro de terceiro não exige nenhum pagamento, então, você pode acionar por qualquer valor. O único prejuízo é perder o desconto que o seguro dá na renovação.

Seu seguro tem preço bom?

Proteger o automóvel é importante, mas isso não quer dizer que você vai ter que gastar muito. Clique aqui e confira 10 dicas de como economizar no seguro do seu carro.

Veja também!





Comentários:

Atualmente recebemos centenas de perguntas todos os dias. Com isso, os comentários não serão respondidos mais pela equipe Konkero. A intenção é que os próprios usuários ajudem uns aos outros. Não nos responsabilizamos por erros, omissões ou imprecisões nas nossas respostas uma vez que elas não substituem a orientação de especialistas como advogados, contadores, especialistas em finanças etc. Importante: quando você faz um comentário, ele fica público nessa página após a aprovação da nossa equipe e também será publicado em sua timeline no Facebook de acordo com suas configurações de privacidade. Nos reservamos o direito de excluir comentários considerados inapropriados, ofensivos ou de divulgação de produtos e serviços.