Como acionar o seguro do seu carro

  • Google+
  • LinkedIn

Descubra como acionar o seguro auto em caso de batida, roubo ou furto.

Como acionar o seguro de auto carro veículo



Quando você é responsável por uma batida que amassou o seu ou outros carros, talvez seja a hora de acionar o seguro do seu carro para não ficar no prejuízo. Vale saber que para arrumar um carro batido de outra pessoa, você precisa ter essa cobertura no plano que fechou e, para consertar o seu carro, terá que pagar a franquia.

Como acionar o seguro de carro

1. Faça o boletim de ocorrência

Sempre que houver uma batida, todo mundo que estava envolvido precisa fazer o boletim de ocorrência (ou B.O.). É nesse momento que o policial escreve os detalhes do acidente, conforme a história que ele ouviu, e que todos assinam e concordam com o relato. Então, quem não estiver presente não terá a chance de dar a versão da batida. Se você for o culpado, precisará do B.O. para acionar o seguro.

Logo após a batida, pegue os contatos dos envolvidos (como nome completo, CPF, telefone, número da habilitação e a placa do carro) e vá para a delegacia mais próxima para fazer o boletim de ocorrência. Antes de acionar a seguradora é importante saber quanto gastaria para arrumar cada veículo envolvido na batida. Isso porque a empresa só vai pagar o conserto do seu carro se o valor for maior do que a franquia. E, no caso de sinistro para carro de terceiros, o seguro que tem essa cobertura faz consertos até um limite de valor (que você descobre na apólice).

2. Entre em contato com a seguradora

Assim que receber os orçamentos e decidir acionar a seguradora, você pode entrar em contato por telefone ou e-mail. Prefira ligar porque você resolve em menos tempo. O telefone da central de atendimento fica no cartão do seguro.

A seguradora vai pedir o número da apólice, os seus dados pessoais e os dados dos motoristas envolvidos no acidente. Se você tiver fotos, envie estas imagens por e-mail. Quando o carro for para a oficina, a seguradora fará uma vistoria para avaliar se o estrago feito é o mesmo que você informou. E provavelmente você terá que levar o seu veículo para a vistoria também, assim eles comprovam as áreas do carro que precisam de conserto.



Algumas empresas oferecem a opção de o cliente avisar o sinistro pela internet. Essa alternativa é mais comum quando não é necessário chamar o reboque para tirar o carro do local da colisão. Se o acidente não estragou muito o seu veículo, você pode acionar a seguradora pelo site, na sua casa, e agendar a vistoria na oficina.



Quando usar o seguro DPVAT

Se o acidente deixou alguém machucado, informe o que aconteceu para a seguradora. A maioria dos seguros cobrem danos a terceiros. E, se o seu não cobrir, você pode recorrer ao DPVAT, que é o seguro obrigatório feito por todo motorista. Ele banca até R$ 2,7 mil em despesas médicas e R$ 13,5 mil no caso de morte ou invalidez de quem se acidentou. Mas lembre-se: o DPVAT não cobre os danos materiais causados nos carros. Para saber como acionar esse seguro, clique aqui.

O que fazer se o seu carro for roubado

O seguro não cobre apenas batidas. Nesse caso, anote o dia, horário e local em que aconteceu o roubo. Em seguida, vá até uma delegacia de polícia e faça um boletim de ocorrência. Você vai precisar desse papel para acionar a seguradora e comprovar que o seu carro desapareceu. Depois, ligue para a seguradora e entregue todos os documentos que ela pedir. A empresa tem 30 dias para fazer o pagamento. Vale saber: se o veículo for encontrado depois da indenização, ele será da seguradora, e não seu.

Veja também!





Comentários:

Atualmente recebemos centenas de perguntas todos os dias. Com isso, os comentários não serão respondidos mais pela equipe Konkero. A intenção é que os próprios usuários ajudem uns aos outros. Não nos responsabilizamos por erros, omissões ou imprecisões nas nossas respostas uma vez que elas não substituem a orientação de especialistas como advogados, contadores, especialistas em finanças etc. Importante: quando você faz um comentário, ele fica público nessa página após a aprovação da nossa equipe e também será publicado em sua timeline no Facebook de acordo com suas configurações de privacidade. Nos reservamos o direito de excluir comentários considerados inapropriados, ofensivos ou de divulgação de produtos e serviços.