Descubra quanto você pode financiar no Fies - Konkero
ATENÇÃO! Nunca solicitamos depósito ou pagamento para liberação de empréstimo. Isso é ilegal.

Descubra quanto você pode financiar no Fies

Pretende fazer o Fies mas ainda não sabe qual será seu limite de financiamento estudantil? Confira quanto você pode financiar pelo Fies!

contrato

Quem vai prestar uma faculdade particular e tem a renda familiar mensal de até que 3 salários mínimos por pessoa (hoje esse valor é de R$ 3.135) já pode se inscrever para tentar uma vaga no Fundo de Financiamento Estudantil – Fies. Acima dessa faixa, o aluno ainda pode se enquadrar no P-Fies para candidatos com renda familiar de até 5 salários mínimos.

Dependendo de qual for essa renda e do valor das mensalidades da faculdade que você escolheu, o programa financia entre 50% e 100% do seu curso. Mas como saber quanto você conseguiria financiar?

Veja abaixo em qual condição do Fies você está e descubra quais financiamentos são opções para você.

Estudantes com renda familiar mensal de até 10 salários mínimos

O Fies libera financiamentos entre 50% e 100%, e a porcentagem depende do valor exato da renda familiar dividida por todos que moram na sua casa.

Estudantes com renda familiar mensal entre 10 e 15 salários mínimos

Nesse caso, você consegue financiar entre 50% e 75% do valor do seu curso, conforme for a renda por pessoa na sua casa.

Estudantes com renda familiar mensal entre 15 e 20 salários mínimos

Aqui, o financiado não passa de 50% do valor do curso, ou seja, o menor financiamento do Fies.

Quem pode participar do Fies

Para contratar o financiamento estudantil do governo, você precisa:

1. Ter renda familiar mensal menor do que 5 salários mínimos por pessoa;
2. Escolher um curso presencial autorizado pelo Ministério da Educação (MEC);
3. Ter feito o Enem a partir do ano de 2010;
4. Apresentar uma garantia de pagamento (fiança) do curso. A fiança do seu contrato pode ser feita de três formas: a convencional, a solidária e por meio do Fundo de Garantia de Operações de Crédito Educativo, o Fgeduc. Entenda mais sobre cada uma delas!

Fiança convencional do Fies

Essa fiança é a mais simples que os candidatos podem fazer. O aluno deve apresentar até dois fiadores que, juntos, tenha a renda igual ao dobro do valor da mensalidade paga pelo estudante, incluindo descontos. Para estudantes que utilizam o ProUni, os fiadores devem ter renda mensal bruta conjunta pelo menos igual à parcela mensal da semestralidade.

Fiança solidária do Fies

A fiança solidária é feita em grupo com 3 a 5 integrantes. Os alunos devem fazer o financiamento no mesmo banco e estudar na mesma instituição de ensino. Esse tipo de fiança não pode ser feita entre familiares e os estudantes não precisam comprovar renda.

Fiança por meio do Fgeduc

Com o Fundo de Garantia de Operações de Crédito Educativo (Fgeduc), é possível financiar sem apresentar uma pessoa que garanta o pagamento do empréstimo. No entanto, o candidato precisa comprovar que têm renda familiar mensal por pessoa de até um salário mínimo e meio.

Quer conhecer melhor esse financiamento?

O Fies possui algumas regras específicas para ser feito. Clique aqui e confira mais detalhes sobre o programa e veja se você pode participar desse financiamento.

Conheça outros financiamentos estudantis

Além do financiamento estudantil do governo, os bancos também facilitam o pagamento das mensalidades para quem quer ingressar na faculdade. Geralmente, a renovação do financiamento é semestral e os bancos estendem o pagamento por até 12 meses. Clique aqui e conheça o financiamento estudantil em quatro bancos!

Veja também!