5 cursos técnicos que estarão em alta em 2020 - Konkero
ATENÇÃO! Nunca solicitamos depósito ou pagamento para liberação de empréstimo. Isso é ilegal.

5 cursos técnicos que estarão em alta em 2020

Saiba quais são os cursos em alta até 2020 e turbine o seu currículo.

Você já pensou que fazer um curso técnico pode ser o caminho mais curto para alcançar aquela tão esperada vaga no mercado de trabalho?

Pois é! Os cursos têm duração média de 2 anos e preparam o aluno para o mercado de trabalho. As empresas estão pagando salários cada vez mais atrativos para esses profissionais. A formação técnica pode ser feita junto com o ensino médio, o que facilita na hora de conseguir um emprego após a conclusão da fase escolar.

Mas quais serão os cursos que vai estar com tudo em 2020? A Konkero selecionou 5 cursos técnicos que estarão em alta neste ano!

Os cursos técnicos com maior demanda em 2020

Técnico de controle de produção

O profissional com formação técnica em controle de produção pode atuar em várias indústrias, como química, petroquímica, gráfica e montadoras. Esse técnico inspeciona toda a produção, ficando de olho na entrada e saída da matéria-prima.

Técnico em eletrônica

Um técnico em eletrônica pode trabalhar em empresas que fabricam máquinas e componentes eletrônicos e também em assistências técnicas, fazendo instalações, reparos, manutenções e ajustes.

Técnico em eletricidade e eletrotécnica

Trabalha em qualquer etapa de geração, transmissão e distribuição de eletricidade. Os locais que mais empregam esses técnicos são as concessionárias de energia elétrica, mas o profissional também pode prestar serviços para fábricas e empresas de menor porte.

Técnico em desenvolvimento de sistemas e aplicações

É uma opção legal para quem tem interesse na área de informática. Esse profissional pode trabalhar em vários ramos como suporte, computação gráfica e desenvolvimento de endereços para web. Além desses, o aluno desse curso consegue aprender sobre o desenvolvimento e manutenção de aplicativos para celulares.

Técnico em mecatrônica

O curso técnico de mecatrônica permite que o aluno desenvolva máquinas e equipamentos automatizados. Para isso, quem participa do curso de mecatrônica aprende com disciplinas de design, softwares e circuitos elétricos. O profissional formado em mecatrônica pode atuar em indústrias e nas áreas de pesquisa e desenvolvimento.

Empréstimo online: solicite sem sair de casa
KeroGrana: oferecem créditos entre R$ 1 mil e R$ 20 mil.
Lendico: empréstimos de R$ 2.500 a R$ 50 mil.
Finanzero: compare empréstimos em diferentes bancos. Taxas a partir de 2,97% ao mês.

Onde fazer os cursos técnicos

Existem várias escolas que oferecem cursos técnicos no Brasil. Entre as mais conhecidas, estão o Senai, o Senac e as Escolas Técnicas Estaduais (ETECs), que são instituições gratuitas e administradas pelo governo de São Paulo.

Nas escolas pagas, os preços variam bastante. Mas são mais em conta do que uma faculdade, até porque o estudante vai passar menos tempo pagando pelo curso.

Qual o salário de um técnico?

Segundo uma pesquisa do Senai*, o salário inicial médio dos técnicos mais procurados está em torno de R$ 2 mil. É claro que esse valor varia muito de acordo com a formação, a empresa e a cidade que o técnico vai trabalhar.

Por isso, comece a se informar e dê o primeiro passo para a sua formação profissional!

Curso técnico ou bacharelado: qual é a diferença?

A carga horária é um dos principais pontos que diferenciam uma formação técnica de um curso de bacharelado. Enquanto os cursos tecnológicos duram cerca de dois anos, uma graduação em modalidade de bacharelado pode chegar até cinco anos.

Entretanto, com o bacharelado, o aluno pode se desenvolver em diversas áreas dentro do curso que estudou, enquanto no curso técnico, a especialização é em uma área mais específica. Clique aqui e entenda mais sobre as diferenças entre os cursos!

*O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) é uma instituição de ensino profissional e tecnológico com unidades em todo o Brasil.

Veja também!