Posso usar o FGTS para reformar um imóvel?

  • Google+
  • LinkedIn

Infelizmente, não dá para usar o dinheiro do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) no pagamento de uma reforma. Mas existem duas linhas de crédito só para isso. Que tal conhecer estas opções?



Como usar o FGTS para reforma

Se você decidiu reformar a sua casa ou o apartamento, saiba que não pode usar o saldo do FGTS para pagar essa despesa. Esse dinheiro é seu, mas só pode ser resgatado quando você vai comprar um imóvel ou quitar um consórcio imobiliário. No caso de reformas, a Caixa Econômica Federal não libera o saque desse fundo – mesmo que você tenha no mínimo três anos de depósito no FGTS.

Quem precisa de grana para uma reforma pode pesquisar alguns empréstimos, como o consignado ou o refinanciamento. Além disso, o governo possui dois empréstimos específicos para bancar os custos da reforma ou construção da sua casa. Confira mais abaixo.

Dois tipos de empréstimo para reformar ou construir

Fimac FGTS – empréstimo para quem tem FGTS

Este empréstimo do governo é exclusivo para quem recebe (ou recebeu) o pagamento do Fundo de Garantia por no mínimo três anos. O valor máximo financiado nessa linha é R$ 20 mil, sendo que o imóvel deve custar até R$ 500 mil. O prazo para quitar a dívida costuma ser de até 10 anos e você não tem acesso ao dinheiro do FGTS, pois ele será usado somente como referência para o banco ceder o crédito. Saiba mais sobre o Fimac FGTS.





Construcard da Caixa – empréstimo para comprar material de construção para a reforma

Outra opção para financiar a reforma ou a construção da sua casa é o Construcard. O Construcard é um cartão da Caixa que permite financiar a compra de material de construção da reforma ou construção da sua casa. Nesse caso, qualquer um pode pedir o financiamento para a Caixa, tendo ou não o FGTS. O valor máximo do empréstimo depende da sua renda e o prazo para quitar a dívida é de até 238 meses. Entenda o Construcard e decida se vale a pena pegar esse crédito.

Veja também

Existem outras situações em que é possível sacar o FGTS – nenhuma delas para reforma. Confira as diferentes situações na qual é possível sacar o FGTS.





Comentários:

Atualmente recebemos centenas de perguntas todos os dias. Com isso, os comentários não serão respondidos mais pela equipe Konkero. A intenção é que os próprios usuários ajudem uns aos outros. Não nos responsabilizamos por erros, omissões ou imprecisões nas nossas respostas uma vez que elas não substituem a orientação de especialistas como advogados, contadores, especialistas em finanças etc. Importante: quando você faz um comentário, ele fica público nessa página após a aprovação da nossa equipe e também será publicado em sua timeline no Facebook de acordo com suas configurações de privacidade. Nos reservamos o direito de excluir comentários considerados inapropriados, ofensivos ou de divulgação de produtos e serviços.