A Construtora Cyrela é confiável?

A Cyrela é considerada a terceira maior construtora do país, com 100 mil imóveis vendidos em 11 estados.

cyrela

A Cyrela existe há mais de 50 anos e consagrou-se como a terceira empresa que mais constrói no país desde 2014.

História da Cyrela

Foi fundada em São Paulo – SP em 1962 pelo atual acionista Elie Horn e em 1981 se tornou a Construtora Cyrela.

Em 2005 tornou-se uma empresa de capital aberto, com ações na bolsa de valores. No ano seguinte incorporou a empresa RJZ com atuação no Rio de Janeiro e criou a Living, marca da Cyrela responsável pelos imóveis de médio padrão.

Em 2009 incorporou a Goldsztein com atuação no Sul do país. E este ano, 2016, ganhou o Prêmio iF Design Award na categoria arquitetura e interiores.

Desde 2014 a empresa ocupa a posição numero 3 das maiores construtoras do país pelo Ranking ITC.

Cidades atendidas pela Cyrela

A empresa está presente nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Espírito Santo, Maranhão, Pará, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Perfil dos imóveis Cyrela

Ela possui um perfil de imóveis de alto padrão e luxo e desde 2007 possui a marca Living que tem imóveis no perfil de médio padrão. Também existem imóveis comerciais à venda.

Nota Reclame Aqui da Cyrela

A empresa possui perfil “Regular” no ReclameAqui, mas seu índice de atendimento é de 97,9% com 74,6% de soluções e 50% voltariam a fazer negócio.

Ela possui 142 avaliações e somente 7 reclamações ainda não atendidas.

Financiamento de Imóvel pela Cyrela

A empresa intermedia toda a transação de financiamento com bancos parceiros como a Caixa. Caso você tenha interesse em financiar um imóvel pela Cyrela é só entrar em contato com os corretores. No site há atendimento online via chat, e você pode pedir uma simulação de valores, para ver se consegue arcar com todas as parcelas do financiamento. Havendo interesse, uma série de documentos pessoais serão solicitados a você pelo corretor, que encaminhará cópias desses documentos para o banco. Desta forma, o banco analisará seu perfil e dirá se libera ou não o valor que você deseja.

*As informações acima foram obtidas no site da Cyrela e no Reclame Aqui em 02/01/2017 e, portanto, estão sujeitas à alterações.

Veja também




comentários