Previdência Social: O guia definitivo de serviços online - Konkero
ATENÇÃO! Nunca solicitamos depósito ou pagamento para liberação de empréstimo. Isso é ilegal.

Previdência Social: O guia definitivo de serviços online

Pela plataforma Meu INSS, contribuintes e aposentados conseguem solicitar extratos e outros serviços online de forma mais prática. Saiba mais!

O INSS, o Instituto Nacional do Seguro Social, monitora e concede benefícios aos trabalhadores com carteira assinada e contribuintes individuais. O órgão também reponde como Previdência Social por conta da junção que ocorreu em 1990 entre o IAPAS e o INPS. Portanto, ambos cuidam das aposentadorias, pensões e auxílios que beneficiários devem receber quando o tempo de contribuição estiver concluído, ou se porventura sofrerem algum acidente e precisarem receber o auxílio.

Os custos relacionados ao INSS são descontados do salário de quem possui carteira assinada, enquanto os contribuintes individuais, como trabalhadores autônomos e donas de casa, por exemplo, devem fazer a contribuição ao INSS todos os meses pelo carnê de pagamento, a GPS.

Até um tempo atrás, os serviços do INSS estavam disponíveis apenas de forma presencial nos pontos de atendimento da Previdência Social ou pelo telefone 135. No entanto, os contribuintes já conseguem marcar perícias, consultar extratos e fazer outras solicitações de forma mais prática e cômoda pela plataforma online Meu INSS.  Entenda mais sobre o sistema disponível e veja os serviços do INSS que podem ser feitos online.

Como fazer o cadastro no Meu INSS

O Meu INSS está disponível para trabalhadores, aposentados, pensionistas e demais contribuintes que quiserem acessar informações sobre os pagamentos feitos ao INSS. Para acessar a plataforma, o usuário precisará abrir uma conta no sistema Gov.br do Governo Federal com o CPF e cadastrar uma senha. Veja abaixo o passo a passo:

Passo 1. Acesse o site do cadastro do Governo Federal e clique na opção “Crie sua conta gov.br”, como na primeira imagem abaixo. O usuário será direcionado até uma lista de opções de cadastro. Nela, ele terá que informar como deseja fazer a inscrição na plataforma. Clique em “Número do CPF”.

Passo 2. Na página seguinte, o contribuinte do INSS terá que informar alguns dados para começar o cadastro, como o CPF e o nome completo. Após isso, é necessário aceitar os termos de uso do site e clicar no botão “Avançar”. Para habilitar a inscrição e a senha, será necessário informar um telefone celular e e-mail. O usuário receberá um código de confirmação para ativar a conta e acessar os seus dados do INSS online.

Passo 3. Quando a conta estiver verificada e pronta para uso, o contribuinte do INSS deverá ir até a página inicial do site e efetuar o login com o CPF e a senha cadastrada, como está abaixo.

Passo 4. Depois de fazer o login no cadastro do Governo Federal, clique em “Ir ao Meu INSS”. O beneficiário será direcionado aos serviços online da Previdência Social. Vale lembrar que ele terá 15 minutos para fazer a consulta na plataforma. Após esse tempo, o contribuinte terá que fazer login novamente para solicitar os serviços.

Passo 5. Nesta página, o contribuinte conseguirá fazer diferentes solicitações. É possível fazer agendamentos, obter resultados de perícias, consultar a carta de concessão do benefício, emitir extratos, entre outras coisas.

Confira abaixo os principais serviços online do INSS.

Serviços online Previdência Social: conheça 10 solicitações disponíveis no Meu INSS

Consultar benefício do INSS

No site do Meu INSS, aposentados, pensionistas ou contribuintes que recebem algum auxílio doença conseguem consultar o benefício e terem mais informações sobre o valor do salário, por quanto tempo receberão os pagamentos e a modalidade. Quem já recebeu algum auxílio da Previdência por conta de um acidente na empresa, por exemplo, e, depois, solicitou a aposentadoria por tempo de contribuição consegue obter informações dos dois benefícios.

Veja aqui como consultar benefício do INSS pelo CPF no Meu INSS.

Agendar perícia na Previdência Social

Quem sofreu algum acidente e é contribuinte do INSS pode agendar a perícia com o médico da Previdência Social diretamente pelo Meu INSS. Ao fazer o login na plataforma, o cliente localiza a unidade mais próxima do INSS e escolhe o melhor horário para ser atendido. No dia da consulta, o contribuinte deve apresentar laudos e exames médicos para o profissional do INSS.

Entenda aqui como agendar perícia no INSS online!

Consultar resultado de perícia

Além de conseguir agendar a perícia pelo Meu INSS, quem solicitou aposentadoria, pensão ou outro auxílio pode consultar o resultado do pedido na plataforma. Ao clicar no botão “Resultado de benefício por incapacidade”, o usuário poderá consultar se a solicitação de aposentadoria ou auxilio por invalidez foi liberada. Saiba mais aqui.

Além do resultado está disponível no Meu INSS, a resposta da solicitação também pode ser consultada no site do INSS. O contribuinte terá que informar o número do benefício, o número do requerimento, data de nascimento, nome do requerente e o CPF. O sistema irá gerar o comprovante do benefício com as informações do auxílio e os próximos passos para receber o salário.

Emitir extrato de pagamento do INSS

Quem trabalha com carteira assinada ou é contribuinte individual consegue consultar as cobranças do INSS e descobrir se os descontos estão sendo feitos de forma regular. O extrato previdenciário, como é conhecido o documento, reúne todos os vínculos empregatícios do contribuinte, incluindo os carnês pagos por meio da GPS. Veja aqui como consultar o extrato da Previdência Social.

Emitir extrato de pagamento de benefício

Os aposentados e pensionistas do INSS têm acesso aos extratos mensais dos pagamentos liberados pela Previdência Social. Dessa forma, quem quer acompanhar os depósitos que já foram feitos, a previsão de pagamento dos próximos meses e outros acréscimos e descontos consegue acompanhar direto pela plataforma Meu INSS. Clique aqui e saiba como fazer a consulta do extrato de pagamento do INSS.

Gerar certidão negativa de débitos do INSS

Ao longo dos anos, muitos trabalhadores acabam trocando a carteira de trabalho original com os primeiros registros profissionais e, possivelmente, perdendo o documento mais antigo. Assim, fica mais complicado comprovar o tempo trabalhado até o momento e solicitar a aposentadoria. Pensando nisso, o INSS libera uma certidão eletrônica no sistema Meu INSS que comprova o tempo de registro do trabalhador nas empresas e as contribuições à Previdência. Confira como emitir a certidão negativa de débitos INSS.

Informe de rendimentos para Imposto de Renda

Quem é beneficiário do INSS e precisa declarar o Imposto de Renda consegue emitir o informe de rendimentos relacionados aos pagamentos da aposentadoria e de possíveis pensões no Meu INSS. O documento garante a entrega do benefício ao contribuinte que, por sua vez, deve apresentar o valor recebido na declaração do IR. Veja como emitir o informe de rendimentos do INSS.

Calendário de pagamentos INSS

Além de acompanhar os depósitos futuros do benefício do INSS pelo extrato de pagamento, no sistema Meu INSS, o aposentado consegue descobrir quando serão feitos os pagamentos dos salários e se programar ao longo dos meses para pagar contas e fazer compras pelo calendário de pagamento.

Para quem ainda não é aposentado, mas quer entender como funciona o desconto do INSS sobre o salário, veja aqui a tabela de desconto INSS em 2020 e calcule a quantia correspondente à Previdência Social do seu pagamento!

Emitir carta de concessão do benefício INSS

A carta de concessão comprova a liberação do benefício do INSS ao contribuinte. Nela, estão valores da aposentadoria, pensão ou auxílio doença, dados sobre o banco onde o titular do benefício irá receber os pagamentos, além de informar o tempo de duração da pensão ou auxílio doença que o beneficiário tem direito de receber. Uma segunda via da carta de concessão é liberada por meio da plataforma Meu INSS. Saiba como emiti-la aqui.

Simular aposentadoria INSS

Como existem diferentes regras para solicitar a aposentadoria, o INSS possui uma ferramenta para calcular o tempo que falta para que o contribuinte consiga dar entrada no benefício. O simulador da aposentadoria está disponível no Meu INSS e, para utilizá-lo, é necessário informar o tempo de contribuição e escolher uma regra de aposentadoria que deseja considerar para fazer o cálculo. Entenda aqui como fazer a simulação da aposentadoria pela internet.

Veja também!