O que é órgão emissor do RG: entenda - Konkero
ATENÇÃO! Nunca solicitamos depósito ou pagamento para liberação de empréstimo. Isso é ilegal.

O que é órgão emissor do RG: entenda

O RG é um documento de identificação que só pode ser emitido em postos autorizados. Entenda o que é o órgão emissor!

O Registro Geral, mais conhecido como RG, é a carteira de identidade utilizada pelos cidadãos brasileiros. O documento possui uma foto 3×4 do titular, a impressão digital e a assinatura na parte da frente, enquanto atrás, o RG mantém o número de inscrição, a data de emissão da identidade, o nome dos pais, naturalidade, data de nascimento, origem do documento e a numeração do CPF.

Em muitos cadastros, algumas empresas e instituições podem solicitar o preenchimento do órgão emissor ou órgão expedidor do RG. Trata-se do local onde o documento foi emitido. A solicitação do RG é feita em instituições que respondem à Secretaria de Segurança Pública, como sedes do Poupatempo e do Detran. Veja abaixo onde encontrar o órgão emissor do seu RG!

Como consultar o órgão emissor do RG

Para descobrir o órgão emissor do RG, basta olhar na carteira de identidade. O local onde o documento foi emitido está na parte da frente, do lado esquerdo da foto 3×4 e da impressão digital.

Logo acima da descrição do órgão emissor, que é Secretaria da Segurança Pública (SSP), fica o estado em que o RG foi emitido. Em fichas cadastrais, o campo de preenchimento solicita a sigla ‘SSP’ com as letras do estado em que o RG foi tirado. Logo, moradores do estado de São Paulo, por exemplo, devem preencher com SSP-SP, já residentes de Minas Gerais deverão colocar SSP-MG.  

Por que devo colocar o órgão emissor em cadastros?

Colocar o órgão emissor e expedidor em inscrições certifica que o RG corresponde a um documento de identidade oficial do governo e foi emitido dentro dos padrões de segurança pública. Além dele, alguns cadastros também pedem o dia de emissão da carteira de identidade que fica na parte de trás do documento. Portanto, fique atento na hora de preencher os campos com essas informações.

O órgão expedidor está diferente do local de nascimento. Tem problema?

Não. Em alguns casos, o cidadão nasce em uma cidade e quando se muda para outro estado, ele pode emitir um RG no órgão emissor que é responsável pela região. Logo, a carteira de identidade emitida num local diferente do nascimento terá outro órgão expedidor, mas valerá normalmente, sobretudo por conta do local de nascimento do titular também ficar anexado ao RG.

Entenda mais sobre os tipos de órgão emissor de documentos

A solicitação do RG é feita com postos autorizados pela Secretaria de Segurança Pública, no entanto, o órgão emissor ou expedidor varia conforme o tipo de documento. A carteira de trabalho é expedida pelo Ministério do Trabalho e Emprego. Já a Carteira Nacional de Habilitação é de responsabilidade do Detran da cidade onde o veículo circula.

Certidões de nascimento e de casamento são feitas em cartórios civis, mediante a assinatura do tabelião. Por fim, os passaportes são emitidos pelo Departamento da Polícia Federal. Portanto, antes de ir até um ponto de atendimento, descubra se o órgão emissor possui autorização para tirar o documento que você deseja.

 Veja também!