Entenda o golpe do Auxílio Emergencial e saiba como se proteger - Konkero
ATENÇÃO! Nunca solicitamos depósito ou pagamento para liberação de empréstimo. Isso é ilegal.

Entenda o golpe do Auxílio Emergencial e saiba como se proteger

Criminosos estão aproveitando a liberação do auxílio emergencial para fazer fraudes com dados de usuários do WhatsApp. Entenda mais sobre o golpe e saiba como se proteger. 

O auxílio emergencial é uma forma do Governo brasileiro conceder uma ajuda financeira aos profissionais que são microempreendedores, trabalhadores informais ou estão desempregados durante a pandemia de COVID-19. Como diversos tipos de atividades tiveram que ser interrompidas para diminuir a contaminação pelo novo coronavírus, a renda de inúmeros brasileiros foi afetada.

Para receber o auxílio emergencial, o beneficiário deve seguir alguns requisitos exigidos pelo Governo Federal e pela Caixa Econômica Federal, que é o banco responsável por fazer o pagamento das parcelas do auxílio emergencial. Clique aqui e veja as regras gerais para receber o benefício.

Como o auxílio é esperado por uma boa parcela dos brasileiros, pessoas mal intencionadas estão usando o benefício como forma de aplicar golpes em usuários do WhatsApp que querem receber a ajuda do Governo. Por meio de um link enviado entre grupos e contatos do aplicativo de mensagens, o usuário preenche os campos do site com dados pessoais e coloca em risco documentos e o próprio aparelho por onde faz o acesso.

Saiba mais sobre o golpe do auxílio emergencial e descubra como se proteger de fraudes com os seus dados!

Como funciona o golpe do Auxílio Emergencial

Uma mensagem enviada por WhatsApp, na maioria dos casos, apresenta um link que direciona o usuário até um site falso do auxílio emergencial. Nessa página, o estilo da letra é semelhante ao utilizado pela Caixa em seu site e aplicativo oficiais, além disso, o site apresenta o logotipo oficial do Governo Federal e do próprio banco, o que dá uma falsa segurança ao visitante do site. Veja abaixo duas imagens da página falsa:

No site falso do auxílio emergencial, o usuário preenche os campos com dados pessoais, como nome, data de nascimento e um telefone para contato. Uma forma de compartilhar ainda mais o golpe entre os usuários do WhatsApp é que, para dar continuidade ao processo do falso cadastro, é necessário divulgar o link para outros contatos. Ao fornecer informações pessoais e bancárias nesses sites falsos, os hackers conseguem utilizar os dados para contratar serviços, acessar endereços de e-mail e até roubar saldos em contas bancárias.

Outra forma que criminosos estão utilizando para aplicar golpes é por aplicativos falsos do auxílio emergencial e da Caixa, criados também para capturar informações pessoais de usuários. Para conseguir os dados, os programas usam a mesma estratégia dos sites maliciosos: o usuário coloca os dados e envia uma espécie de solicitação. Nesse processo, o hacker tem acesso aos documentos que pode utilizar para aplicar fraudes.

Auxílio emergencial: como fazer a solicitação sem risco de fraudes

A Caixa, em parceria com o Governo Federal, criou e disponibilizou um aplicativo para que os trabalhadores e cidadãos desempregados consigam fazer o cadastro e recebam o auxílio emergencial por uma conta digital. Dessa forma, não será necessário ir até agências da Caixa para sacar o dinheiro, o que diminui os riscos de aglomerações e contaminação por coronavírus.

O aplicativo CAIXA | Auxílio Emergencial é o sistema oficial para fazer o cadastro e receber o benefício. Ele está disponível para aparelhos Android e iOS, e o usuário consegue fazer o login utilizando apenas o CPF e outros dados pessoais, como nome completo, data de nascimento e nome da mãe. Para a segurança do beneficiário, um código é enviado ao celular do interessado com o objetivo de confirmar o acesso ao aplicativo do auxílio emergencial.

Outra forma de solicitar a ajuda do Governo Federal de forma segura é pelo site da Caixa Econômica Federal. Na plataforma online e oficial, o trabalhador consegue fazer a solicitação e acompanhar o pedido do auxílio emergencial. Será necessário enviar os mesmos dados solicitados no aplicativo: CPF, nome completo, data de nascimento, nome da mãe e confirmar o acesso por SMS. Clique aqui e acesse o site oficial e seguro da Caixa para solicitar o auxílio emergencial.

Para saber mais sobre como solicitar a ajuda do Governo durante a pandemia do coronavírus, clique aqui e veja o passo a passo.

Como posso me proteger das fraudes?

Desconfie de links e mensagens recebidas por WhatsApp. Muitas pessoas estão interessadas apenas em espalhar notícias falsas ou aplicar golpes. Verifique se a informação veio de portais de notícias seguros e, se perceber que é uma tentativa de fraude com documentos e informações pessoais, saia imediatamente do site e não repasse o link para outros contatos.

Faça o download de um antivírus no celular e efetue monitorações regulares no sistema do aparelho. Dessa forma, fica mais fácil identificar ações de hackers e invasões ao celular com objetivo de acessar dados pessoais para aplicar golpes. Veja aqui como escolher um antivírus e aumentar a proteção das informações armazenadas no celular.

Veja também!