Consulta de certidão negativa pelo CPF: entenda - Konkero

Consulta de certidão negativa pelo CPF: entenda

A certidão negativa de débitos pode ser emitida por pessoa física e pessoa jurídica. Saiba mais sobre a importância desse documento! 

Algumas empresas e órgãos públicos precisam que o cliente apresente um documento que comprove a ausência de dívidas com o estado e de processos judiciais atrelados ao seu nome e CPF. Esse comprovante é a Certidão Negativa de Débitos (CND) e pode ser emitida por cidadãos e empresas.

Para pessoas jurídicas, a certidão negativa comprova que a empresa está em dia com impostos do estado, não possui questões judiciais em aberto ou pendências fiscais. Geralmente, antes de fechar uma transação de valores mais altos, outras organizações podem  solicitar a CND. Essa situação também acontece quando os clientes de bancos precisam fazer financiamentos de imóveis e carros que possuem preços mais altos.

A solicitação da certidão negativa de débitos pode ser feita na internet por pessoa física com o CPF. Saiba como!

Certidão negativa para pessoa física: como fazer

A Receita Federal disponibiliza um sistema na internet para emitir a certidão negativa de débitos e pendências judiciais. No site, basta preencher o campo com a numeração do CPF e digitar os números e letras da imagem de segurança.

Após clicar em “Consultar”, o site verificará se o CPF registrado não possui pendências. Caso não esteja registrado nenhum processo judicial ou pagamentos em aberto, a CND será emitida automaticamente. Você poderá salvar o documento e imprimi-lo com a certificação da Receita Federal.

Quando solicitar a certidão negativa?

No caso de pessoa física, a certidão negativa é solicitada por bancos em financiamentos imobiliários, empréstimos bancários e para a contratação de outros serviços bancários. Como a certidão informa se o titular do CPF possui dívidas ou multas, a instituição bancária tem uma garantia de que o cliente pagará pelo crédito contratado.

Para participar de concursos públicos, os candidatos também precisam apresentar a certidão negativa que comprove a situação regular em relação a processos judiciais. Lembre-se: possíveis pendências estarão atreladas ao seu CPF, por isso, veja abaixo como regularizar possíveis débitos.

Não consegui emitir a certidão negativa. O que devo fazer?

Muitos usuários tentam emitir a certidão negativa de débitos, mas em alguns casos ela não é liberada para o titular do CPF. É possível que você tenha uma dívida ativa com a União e está devendo o pagamento de algum imposto. Para conseguir emitir a certidão negativa, você precisa resolver as contas em aberto.

O portal Regularize da Secretaria da Fazenda permite localizar possíveis dívidas ativas de um CPF ou CNPJ. A plataforma reúne uma lista de devedores do FGTS, IPVA, IPTU e outros impostos. Clique aqui e descubra se você tem dívidas na União.

Quando você descobrir onde tem algum pagamento em aberto, tente resolver o mais rápido possível. Enquanto o valor não for ao menos negociado, você não poderá tirar a certidão negativa de débitos. Impostos como o IPVA e o IPTU, por exemplo, podem ser regularizados na subprefeitura da sua cidade, portanto, tente fazer o pagamento e limpe o seu CPF.

Veja também!