Como se inscrever no Cadastro Único: entenda - Konkero
ATENÇÃO! Nunca solicitamos depósito ou pagamento para liberação de empréstimo. Isso é ilegal.

Como se inscrever no Cadastro Único: entenda

O CadÚnico permite que famílias participem de programas sociais brasileiros. Saiba como fazer a inscrição!

O Brasil possui uma série de programas sociais que ajudam cidadãos com baixa renda de diversas formas. Entre as iniciativas estão o Bolsa Família, que oferece uma ajuda financeira todos meses para famílias em situação de pobreza, e o Minha Casa Minha Vida, programa da Caixa Econômica Federal criado para facilitar o financiamento habitacional com taxas mais acessíveis a brasileiros com renda mensal mais baixa.

Para participar desses programas, o cidadão precisa estar inscrito no Cadastro Único do Governo brasileiro. O CadÚnico, como também é conhecido, reúne informações socioeconômicas de famílias brasileiras e forma um cadastro com dados de todos os integrantes do grupo familiar. Dessa forma, o Cadastro Único fornece essas informações recolhidas aos programas sociais que, a partir do cadastro, fazem a inclusão da família na lista de beneficiários.

A inscrição no Cadastro Único é feita por um assistente social da prefeitura local em centros de referência. No dia do cadastro, o profissional faz uma série de perguntas ao responsável familiar, que, por sua vez, deve apresentar alguns documentos e responder perguntas sobre a renda mensal da família. Veja abaixo como fazer o agendamento para fazer o Cadastro Único e participar de programas sociais do Governo!

Inscrição no Cadastro Único: como fazer

A família que deseja participar dos programas sociais deve escolher um Responsável pela Unidade Familiar (RF). Essa pessoa deve ter pelo menos 16 anos e, preferencialmente, ser do sexo feminino. O responsável pela família deve procurar um Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) mais próximo da residência para fazer o cadastro.

Algumas cidades brasileiras permitem que o atendimento seja marcado com antecedência para que o responsável familiar apresente a documentação necessária ao assistente social do CRAS. Em São Paulo, por exemplo, o agendamento do Cadastro Único pode ser feito no site da prefeitura da cidade. Assim, o cidadão não precisará enfrentar filas para se inscrever no CadÚnico.

Em outros estados brasileiros, o responsável pela família deverá ir até o Centro de Referência de Assistência Social mais próximo para fazer o Cadastro Único. Para alguns casos, será necessário ir uma primeira vez para fazer o agendamento, comparecer novamente na data agendada e retornar ao CRAS mais uma vez para buscar o comprovante de inscrição no CadÚnico.

No dia da entrevista com o assistente social do CRAS, o responsável familiar deverá apresentar pelo menos um documento desses apresentados abaixo de cada integrante da família:

  • RG;
  • CPF;
  • Certidão de nascimento;
  • Certidão de casamento;
  • Carteira de trabalho;
  • Título de eleitor.

O responsável familiar que irá fazer a inscrição no CadÚnico também deve levar um comprovante de residência recente para facilitar o processo. O assistente social fará algumas perguntas sobre cada integrante da família, incluindo renda mensal de cada um e a ocupação profissional, número de cômodos da casa, eletrodomésticos que possui na residência e, por fim, para qual finalidade o Cadastro Único será aberto.

Depois de responder todas as perguntas, o assistente social entregará ao entrevistado um protocolo de inscrição. Após alguns dias, o responsável pela família voltará ao centro de referência onde fez o Cadastro Único para receber o comprovante definitivo da inscrição. Esse documento terá o nome de todos os integrantes da família com a numeração do NIS e a data de nascimento de cada um. Além disso, o documento do CadÚnico terá o código do grupo familiar e a renda per capita da família.

Como fazer a consulta do Cadastro Único

Caso queira consultar o Cadastro Único, saiba que o comprovante está disponível online e pelo aplicativo Meu CadÚnico. Para saber como acessá-lo, clique aqui e veja o passo a passo para fazer a consulta da inscrição nos canais do Governo.

Veja também!