Cadastre seu número no Procon e pare de receber ligações de empresas

  • Google+
  • LinkedIn

O órgão de defesa do consumidor disponibiliza gratuitamente um programa que cadastra os dados de quem não quer nenhum contato de telemarketing e bloqueia esse serviço

bloquear ligacoes



 

Se você já recebeu ligações de empresas oferecendo produtos e ofertas “imperdíveis”, sabe o quão incômodo podem ser estes telefonemas. Além da insistência dos vendedores, normalmente o contato é feito em horário comercial, o que atrapalha muito quem está trabalhando ou ocupado com outra atividade. Para acabar com esse aborrecimento, você pode registrar seu contato em um programa do Procon que bloqueia ligações de telemarketing. Basta cadastrar seu número no portal ou pelo telefone do Procon do seu estado. São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul são alguns estados que oferecem esse serviço, então, não deixe de verificar na sua região.

Você não é obrigado a receber chamadas

E, por isso, pode pedir o bloqueio! A partir do momento em que você contrata um serviço, a empresa que fez a venda passa a ter os seus dados e, futuramente, poderá entrar em contato. Mesmo companhias que não têm relações comerciais com você conseguem ligar sem serem punidas, pois não existe uma lei contra essa ação “Eu sempre falava que não queria mais as chamadas, mas as empresas ignoravam e insistiam no contato. Essa insistência é arriscada porque é muito fácil um cliente se irritar e não querer saber de nenhuma oferta da empresa”, explica a advogada Enrica Morpurgo. Apesar de não existir uma definição na lei, você tem direito ao cancelamento.

Como pedir o bloqueio

O Procon classifica como ações de telemarketing todo serviço que oferece ou faz publicidade  por ligações telefônicas. Então, para pedir o bloqueio do seu número, acesse o site do Procon do seu estado ou ligue no atendimento deles. Depois, preencha o Cadastro de Bloqueio colocando alguns dados pessoais que, a partir de trinta dias do pedido, as empresas estarão proibidas de efetuar ligações para você. Este serviço é gratuito.



A advogada Enrica Morpurgo fez o cadastro no site do Procon-SP há dois anos e o serviço funcionou. “Eu recebia muitas ligações de operadoras vendendo programas para o celular e pacotes de 3G, além de bancos pedindo para eu abrir contas ou fazer um empréstimo consignado com eles. Às vezes, até mensagens de texto chegavam, era terrível. Mas depois que eu fiz o cadastro, todos esses contatos pararam”, ela conta.

Feito o pedido no site do Procon, as empresas só podem ligar para o consumidor se ele liberar o contato. Para isso, um termo de autorização deve ser preenchido. Veja aqui um exemplo feito pelo Procon-SP.



E se as empresas ligarem mesmo assim?

Nesse caso, avise o Procon do seu estado que as ligações continuam apesar do bloqueio. Eles enviarão um aviso pedindo que a empresa não faça mais nenhum contato. Se esta notificação não for respeitada, provavelmente a empresa terá que pagar uma multa. “No meu caso, o bloqueio deu certo. Mas se eu voltar a receber chamadas, sem dúvida avisarei ao Procon imediatamente para eles notificarem a empresa. É um direito do consumidor não ser incomodado com essas ligações”, conclui a advogada.





Comentários:

Atualmente recebemos centenas de perguntas todos os dias. Com isso, os comentários não serão respondidos mais pela equipe Konkero. A intenção é que os próprios usuários ajudem uns aos outros. Não nos responsabilizamos por erros, omissões ou imprecisões nas nossas respostas uma vez que elas não substituem a orientação de especialistas como advogados, contadores, especialistas em finanças etc. Importante: quando você faz um comentário, ele fica público nessa página após a aprovação da nossa equipe e também será publicado em sua timeline no Facebook de acordo com suas configurações de privacidade. Nos reservamos o direito de excluir comentários considerados inapropriados, ofensivos ou de divulgação de produtos e serviços.