O que é a portabilidade de crédito

  • Google+
  • LinkedIn

Imagine a seguinte situação: você fez um empréstimo no banco onde tem conta, mas pouco tempo depois descobriu que outra instituição consegue cobrar menos juros por este mesmo valor.

O que você faria? Já ouviu falar em portabilidade de crédito?



Entenda o que é a portabilidade de crédito

Também chamada de refinanciamento de dívida, essa operação nada mais é do que tirar a dívida de um banco e passar para outro, quando a oferta valer a pena – ou seja, quando você conseguir pagar menos por isso.

Veja só este exemplo: você pegou um empréstimo consignado no Itaú, mas as taxas de juros do Banco do Brasil são menores para esse crédito. Então, o que você faz? Não existe problema nenhum em procurar o gerente no Banco do Brasil e perguntar sobre a portabilidade de crédito. Explique quanto você pegou emprestado, quantas parcelas ainda precisa pagar e pergunte se eles têm uma proposta melhor. Caso a transação seja aprovada e você decida fazer a portabilidade do crédito, você pagará a dívida para o Banco do Brasil.

Como saber se o refinanciamento vale a pena



Se você desconfiar que outra instituição tem melhores condições de pagamento (ou seja, taxa de juros menor), peça o Custo Efetivo Total (CET) da sua dívida tanto no banco atual quanto no novo banco (para onde você pretende levar a dívida). Este valor mostra todos os custos e as despesas que são cobradas por estes dois bancos. Em seguida, compare os valores: se o CET do novo banco for menor, vale a pena fazer a migração.



Troque dívidas caras por uma mais barata. Solicite um refinanciamento de imóvel

Mas fique atento porque talvez o banco exija que você abra uma conta, e pode cobrar taxas por isso. Na dúvida, pergunte quais custos você terá com essa troca.

Descubra mais detalhes sobre esta operação e saiba como fazer a portabilidade de crédito clicando aqui.





Comentários:

Atualmente recebemos centenas de perguntas todos os dias. Com isso, os comentários não serão respondidos mais pela equipe Konkero. A intenção é que os próprios usuários ajudem uns aos outros. Não nos responsabilizamos por erros, omissões ou imprecisões nas nossas respostas uma vez que elas não substituem a orientação de especialistas como advogados, contadores, especialistas em finanças etc. Importante: quando você faz um comentário, ele fica público nessa página após a aprovação da nossa equipe e também será publicado em sua timeline no Facebook de acordo com suas configurações de privacidade. Nos reservamos o direito de excluir comentários considerados inapropriados, ofensivos ou de divulgação de produtos e serviços.