Negociar dívida no Santander: como conseguir - Konkero

Negociar dívida no Santander: como conseguir

Está com dívidas no Santander e não sabe como regularizar a situação? Saiba agora como negociar os pagamentos em atraso com o banco. 

Organizar as finanças pessoais não é uma tarefa fácil para algumas pessoas. É importante planejar compras e organizar o pagamento de empréstimos e das faturas do cartão de crédito para que as dívidas não se tornem uma bola de neve.

O acúmulo de contas em aberto pode fazer com que o seu nome fique negativado. Com isso, fica mais complicado conseguir cartões de crédito, empréstimos ou financiamentos em instituições bancárias. Isso porque os bancos observam o cliente como um mau pagador.

Se você estiver nessa situação, saiba que uma das primeiras alternativas é tentar negociar a situação com o banco ou a administradora do cartão ou do empréstimo que você contratou. Todos os clientes têm direito a negociação das dívidas com os devedores e esse processo pode variar em cada instituição. Confira a seguir como negociar dívidas no banco Santander e regularizar o seu nome.

Negociação de dívidas Santander

O Santander possui um setor exclusivo na internet para os clientes que desejam negociar dívidas. Confira a seguir como entrar em contato com o banco e quitar os débitos em aberto.

Como negociar uma dívida no Santander

Internet banking Santander

Para negociar suas dívidas no Santander é necessário acessar o Portal de Renegociações do banco na internet. Preencha o campo da página com o seu CPF ou CNPJ da sua empresa e localize os contratos com o Santander.

Após localizar a dívida, o banco oferecerá uma nova oferta de pagamento. Se caso aceitar, você fecha o acordo com o Santander e realiza os pagamentos da negociação.

restrição de crédito? consulte aqui seu CPF:

Você precisa inserir um CPF válido.
Consultar

    O passo a passo para negociar suas dívidas

    Antes de fazer o primeiro contato com a empresa onde você possui dívidas para fazer uma negociação, reúna todos os valores em aberto e some tudo para ver o valor total das suas dívidas.

    Após fazer o cálculo total do que você deve, avalie quanto você poderá pagar por mês na negociação. Enquanto você não tiver quitado todos os valores em aberto é fundamental apertar o cinto e evitar fazer grandes gastos.

    Quando você fechar um acordo com o banco evite atrasar os pagamentos. Caso tenha algum imprevisto e precise usar o valor destinado à negociação, não deixe de avisar a instituição bancária.

    Você também pode refinanciar o seu automóvel, dependendo do tamanho da dívida. Mas lembre-se: caso o valor não seja quitado, o banco ou a instituição financeira pode pegar o carro, já que ele foi concedido como garantia para o empréstimo destinado ao valor da negociação.

    Veja também!