6 lições sobre dinheiro para ensinar aos seus filhos

  • Google+
  • LinkedIn

Que tal falar sobre grana com as crianças? Ensiná-las a lidar com o dinheiro desde cedo diminui as compras por impulso futuramente

licoes sobre dinheiro



Quantas vezes por semana seu filho pede para você comprar algo que ele quer muito? Pois é, assim como os adultos, as crianças sentem vontade de ter o último videogame ou um celular que tem mil funções. Mas em muitos casos, principalmente em relação aos pequenos, essa vontade passa logo. Quanto antes você mostrar ao seu filho o valor do dinheiro e o que significa uma compra por impulso, menores são as chances de que ele se torne um adulto compulsivo. Para ajudá-lo nessa tarefa, conheça seis lições sobre grana que você pode ensinar o quanto antes!

Seis lições sobre grana para ensinar aos seus filhos

1. O dinheiro é resultado do trabalho

A criança consegue entender desde cedo que, graças ao trabalho, você pode comprar aquele brinquedo que ela tanto quer. Por isso, evite falar mal do seu emprego se os pequenos estiverem por perto. “É normal reclamar quando estamos cansados, mas a criança não entende dessa forma. Então, ela fica com a impressão de que trabalhar é chato e não entende isso como a fonte de renda da família”, explica Fábio de Almeida Lopes Araújo, analista do Banco Central.

2. Todos devem fazer escolhas

Para alcançar a maioria dos sonhos, é preciso ter planejamento e fazer esforços, como poupar dinheiro. “Nesse caso, adiar alguns programas é necessário, porém, depois a recompensa vem”, conta Fábio. Mas de que forma explicar isso para as crianças? Como a noção de tempo dos pequenos é diferente da sua, você poderia dar exemplos de escolhas não muito distantes. Por exemplo, deixar de comprar um carrinho de brinquedo pode ajudar a pagar um dia de passeio em um parque de diversões. “Deve ser algo que faça sentido para ele. Nada de sugerir dinheiro para a faculdade, por exemplo, pois isso é muito distante da realidade da criança”, ele explica.

Que tal usar um cofrinho para guardar tudo o que é economizado pelo seu filho? Assim, ele saberá que esse dinheiro tem um destino e só será usado quando o pote estiver cheio. É uma maneira de mostrar a ele que abrir mão de outras compras significa lutar por algo mais importante naquele momento. Se quiser aumentar a motivação da conquista, cole no cofrinho as fotos que representam esse sonho.

3. Existe diferença entre querer e precisar

Não existe problema algum em querer fazer uma compra. Mas você pode mostrar para a criança que compensa investir o dinheiro naquilo que é mais importante nesse momento. “Uma maneira de fazer isso é montar uma lista, junto com a criança, de tudo que ela gostaria de comprar. Anote ao lado de cada item quais são as prioridades, ou seja, do que ela realmente precisa”, explica o especialista. Dessa forma, você está ajudando seu filho a escapar das desculpas comuns que levam às compras por impulso.

4. A importância de evitar desperdícios

Outra maneira de mostrar o valor do dinheiro é ensinar as crianças a cuidarem bem dos brinquedos, do material escolar e da própria casa. E mais: quando as roupas ficarem pequenas e os brinquedos forem deixados de lado, peça ajuda das crianças para reunir tudo que está em bom estado e fazer uma doação.



5. Cada família tem um padrão financeiro

Não deixe de mostrar ao seu filho que ele não terá tudo que gostaria – e que isso acontece na maioria das famílias. Mesmo que seja um sofrimento negar os pedidos dele, explique os motivos para isso. Insista nessa ideia, pois você está ajudando a melhorar o futuro do seu filho. “Nunca dê tudo o que é pedido. Caso contrário, a criança não terá noção de que dinheiro tem limite. Quem ganha tudo que quer, não aprende que a vida é muito diferente desta realidade”, explica Fábio.

6. Dinheiro não é tudo na vida

Uma das lições mais importantes que você poderia dar é esta! Sem dúvida, o dinheiro traz grandes conquistas e realiza sonhos, mas a grana não deve ser o mais importante na família. Então, coloque limites quando perceber que seu filho está preocupado demais em ter os lançamentos e os brinquedos que os amigos ganharam.

Conte histórias!

Um dos caminhos para ensinar sobre finanças é contar histórias que tragam uma mensagem. A fábula da Cigarra e a Formiga, por exemplo, mostra que existe uma recompensa em se esforçar para alcançar um objetivo. Conheça aqui livros e vídeos gratuitos que ensinam os pequenos a lidar com o dinheiro.

Seja um bom exemplo



As crianças percebem as atitudes dos pais e costumam imitá-las. Então, se você pede a elas que economizem luz ou água, mas não toma esse cuidado, dificilmente os filhos seguirão o que foi pedido, pois não há incentivo.

Precisa de ajuda? Fique por dentro das melhores dicas para resistir aos pedidos das crianças!





Comentários:

Atualmente recebemos centenas de perguntas todos os dias. Com isso, os comentários não serão respondidos mais pela equipe Konkero. A intenção é que os próprios usuários ajudem uns aos outros. Não nos responsabilizamos por erros, omissões ou imprecisões nas nossas respostas uma vez que elas não substituem a orientação de especialistas como advogados, contadores, especialistas em finanças etc. Importante: quando você faz um comentário, ele fica público nessa página após a aprovação da nossa equipe e também será publicado em sua timeline no Facebook de acordo com suas configurações de privacidade. Nos reservamos o direito de excluir comentários considerados inapropriados, ofensivos ou de divulgação de produtos e serviços.