Como é o atendimento à consultora das principais empresas de cosmético?

  • Google+
  • LinkedIn

Fique por dentro da qualidade do suporte prestado às revendedoras, segundo depoimento de quem já trabalha na área, e conheça os tipos de treinamento oferecidos por estas empresas

revendedora 2



Fazer a inscrição, passar por um treinamento, dar conta do investimento inicial, conhecer bem os catálogos e comprar a cota mínima são as primeiras etapas para quem se torna uma revendedora de cosméticos. Ou seja: esse trabalho é muito mais do que vender produtos de beleza!

Mas a facilidade que existe para fazer a inscrição como revendedora – que muitas é online – e a liberdade de horário de trabalho podem transmitir a ideia de que esta profissional está sozinha. No entanto, existe uma equipe dando apoio ao revendedor e que fornece (ou deveria fornecer) todo o suporte necessário para o sucesso nas vendas.

Por ser uma parte tão importante da carreira da revendedora, a Konkero pesquisou como tem sido o atendimento oferecido pelas principais empresas de cosmético do país. E você não pode ficar por fora dessa!

AVON

O primeiro passo da inscrição é feito online no site da empresa. Então, você receberá o contato de uma executiva de vendas que marcará um encontro pessoalmente para explicar ob trabalho da revendedora e acertar a documentação.

Treinamento

Alguns são obrigatórios e os cursos podem ser virtuais ou presenciais. Temas específicos, como perfumaria e maquiagem, fazem parte do suporte oferecido pela empresa. E esse treinamento ajuda a aumentar as vendas porque você aprende a indicar os melhores produtos para cada cliente. “Nos encontros cíclicos ou mensais com as gerentes e executivas de vendas recebemos dicas de qual produto será o destaque da vez e quais são as melhores promoções”, conta a profissional de comunicação comercial, Tabata Rodrigues, que revende Avon há três anos.

Suporte à revendedora cliente

Atrasos na mercadoria podem acontecer. Mas o que vale é a justificativa da empresa, afinal, você terá que dar uma explicação honesta para sua cliente. “O máximo que aconteceu foi o produto não vir por falta dele na fábrica, mas nesse caso vem descrito na nota fiscal. É um procedimento comum que já estamos acostumadas”, explica Tabata. O atraso prejudica seu compromisso com a cliente em relação à entrega e à pontualidade. Este problema não costuma prejudicar suas vendas, mas vale ficar atenta se essa situação acontece com frequência.

MARY KAY

A inscrição para ser revendedora também acontece no site da marca. Em seguida, uma executiva de vendas fará o contato para marcar um encontro pessoalmente. “Procuro sempre conhecer as pessoas que querem trabalhar comigo. Este encontro até pode ser chamado de entrevista, mas na verdade é um bate-papo para que esta mulher conheça melhor nosso trabalho e para que eu conheça quais os sonhos e expectativas dela”, explica a diretora nacional de vendas da empresa, Pati Veiga.

Treinamento

Acontecem semanalmente e são cursos tanto presenciais quanto online. É nesse momento que a consultora aprende tudo sobre seu negócio, desde filosofia e regras da empresa, até administração financeira, relacionamento com a cliente e informações sobre os produtos.

Suporte à revendedora

Segundo a diretora nacional de venda da Mary Kay, a empresa procura resolver as reclamações imediatamente. Além disso, ela diz que problemas na entrega de produtos nunca foram relatados. No entanto, no site Reclame Aqui, onde é possível chamar a atenção da empresa para um problema difícil de resolver, existem consultoras da Mary Kay relatando atraso na entrega dos produtos pedidos e no kit de iniciação.

NATURA



Você precisa se inscrever pelo site da marca para virar uma revendedora. Então, terá um encontro com uma executiva de vendas que explicará como funciona o trabalho da consultora e firmará o contrato com você.

Treinamento

A empresa oferece cursos sobre maquiagem e cosméticos para que as consultoras conheçam bem o uso e as características de cada produto. Esse apoio ajuda a revendedora a dar uma orientação personalizada para a cliente.

Suporte à revendedora

Em épocas específicas, como dia das mães, Natal, dia dos pais. Nesse caso, são feitos saldões para que a revendedora monte um estoque e tenha os produtos antecipadamente e por um preço menor. “Assim você pode experimentar os produtos, o que ajuda a vender melhor. Afinal, a gente só vende bem o que conhece”, explica Tabata, que também revende Natura há mais de um ano.

Alguns problemas com a entrega podem acontecer e, segundo a consultora, o canal de comunicação da empresa costuma ser lento para resolver problemas. “Sempre tenho problemas com a Natura, pois os produtos às vezes chegam amassados, vazam na caixa… e é uma burocracia para fazer as trocas”, afirma Tabata.

Quem dá mais dinheiro?

A Konkero comparou estas três empresas em relação aos investimentos iniciais que elas exigem, ou seja, quanto você é obrigada a gastar na primeira compra. Além disso, confira na tabela abaixo qual a porcentagem que você ganha sobre cada produto.

Marca

Quantidade de pontos

Investimento

Lucro



Natura 60 R$ 300 em média 30% sobre cada produto
Avon 60 R$ 70 em média 30% sobre cada produto
Mary Kay Não trabalha com os pontos R$ 149 De 25% a 40% conforme a quantidade de vendas

 

Quer arrasar nas vendas? Confira seis dicas de revendedoras que estão no mercado e sabem quais as melhores – e as piores – estratégias!





Comentários:

Atualmente recebemos centenas de perguntas todos os dias. Com isso, os comentários não serão respondidos mais pela equipe Konkero. A intenção é que os próprios usuários ajudem uns aos outros. Não nos responsabilizamos por erros, omissões ou imprecisões nas nossas respostas uma vez que elas não substituem a orientação de especialistas como advogados, contadores, especialistas em finanças etc. Importante: quando você faz um comentário, ele fica público nessa página após a aprovação da nossa equipe e também será publicado em sua timeline no Facebook de acordo com suas configurações de privacidade. Nos reservamos o direito de excluir comentários considerados inapropriados, ofensivos ou de divulgação de produtos e serviços.