7 plataformas gratuitas para começar a vender online - Konkero
ATENÇÃO! Nunca solicitamos depósito ou pagamento para liberação de empréstimo. Isso é ilegal.

7 plataformas gratuitas para começar a vender online

Descubra as plataformas que ajudam na criação de lojas virtuais grátis e conquiste mais clientes para o seu negócio! 

O comércio na internet é uma das principais formas de vender produtos para um número maior de clientes e trazer mais lucros para a empresa. Em tempos de crises, onde fica mais complicado sair de casa ou do trabalho e ir até supermercados e outros estabelecimentos consultar preços e fazer compras, as lojas virtuais contribuem de forma considerável para movimentar a economia do país e gerar renda entre grandes comércios, pequenas empresas e micronegócios.

Se engana quem pensa que apenas as grandes empresas com estoques maiores podem abrir uma loja na internet. Essa opção de negócio está disponível para empreendedores, microempresários e vendedores informais. Hoje, algumas empresas de tecnologia liberam a possibilidade de pequenos negócios terem um ambiente virtual para vender os produtos e ganhar dinheiro na internet.

Conheça as plataformas que ajudam empreendedores e microempresários na hora de montar uma loja virtual!

Conheça 7 sites para criar uma loja na internet

1. Loja Integrada

O site Loja Integrada permite que o usuário crie uma loja virtual grátis com até 50 produtos cadastrados e que suporte até 5.000 visitas por mês. Além disso, os clientes da loja podem contar com serviços dos Correios para receber os produtos em casa e formas de pagamentos mais seguras. Se preferir, o administrador do negócio também pode contratar outros planos pagos da Loja Integrada que garantem mais visitas ao site e a possibilidade de cadastrar um número maior de produtos na loja virtual.

As lojas criadas dentro do site Loja Integrada possuem funções de controle de vendas, que acompanha o pedido do envio até a entrega, e a integração com o site Mercado Livre. Veja abaixo como fazer o cadastro no site e criar uma loja virtual:

1º Passo: Vá até o site Loja Integrada. No menu superior da página, escolha a opção “Planos”.

2º Passo: Nessa parte do site, o dono do negócio verá todos os planos disponíveis que a Loja Integrada oferece para que o profissional abra uma loja online e venda os produtos. Basta preencher o e-mail no campo abaixo das opções e finalizar o cadastro com nome, sobrenome e escolher uma senha, depois, confirma-lá.

3º Passo: Depois do cadastro inicial, o vendedor irá informar o nome da loja, o domínio que deseja incluir ao link, se é pessoa física ou pessoa jurídica, preencher o o campo com o CPF ou CNPJ, cadastrar o endereço e finalizar o cadastro.

Depois, o usuário poderá escolher outros planos para a loja virtual e personalizar a página de acordo com os produtos que deseja cadastrar e as opções disponíveis para o seu tipo de conta na Loja Integrada.

2. Ecwid

As lojas virtuais criadas pelo Ecwid podem ser integradas às redes sociais e em outros sites de venda, como na Amazon e no Ebay. Assim, o comerciante consegue atingir diversos públicos e fazer mais vendas. O Ecwid também disponibiliza um aplicativo para celulares Android e iOS em que o vendedor consegue monitorar as vendas, utilizar programas de pagamentos digitais mais seguros e fazer entregas por diversas transportadoras, incluindo Fedex e Correios. Confira como abrir uma loja online com a plataforma:

1º Passo: No site do Ecwid, escolha a opção “Começar gratuitamente” no menu superior da tela ou na parte central da página, como na imagem abaixo.

2º Passo: O empreendedor deverá criar um cadastro na plataforma da Ecwid. Os dados necessários serão o nome completo, e-mail e uma senha de acesso. Se preferir, o usuário consegue abrir uma loja online no site utilizando a conta do Facebook, do Google ou do PayPal.

3º Passo: A partir desta página, a Ecwid solicitará alguns dados sobre a localização do negócio, quais produtos o usuário pretende vender, entre outras informações. Veja abaixo:

Informe o nome da loja, país de localização e a moeda principal:

Preencha os campos de cidade, estado e o CEP onde o negócio está localizado:

Na fase 3 do cadastro no Ecwid, explique um pouco sobre os produtos que deseja vender na loja virtual e há quanto tempo está em atividade:

Por fim, o vendedor deverá informar se já possui um site na internet em que faz vendas online. Caso ainda não tenha, será necessário colocar um nome para o domínio do site e criar um link para a loja virtual no Ecwid.

4º Passo: Após informar todos os dados solicitados pelo site, o empreendedor terá acesso ao painel da loja virtual. Nesse local, ele poderá estruturar o negócio online, cadastrando produtos e desenvolvendo o design da loja. A página de configuração do Ecwid ainda permite que o vendedor acesse relatórios de vendas e gerencie canais de atendimento com os clientes. Confira abaixo:

3. MineStore

Na plataforma MineStore, empreendedores e vendedores informais conseguem criar lojas online sem cobranças de mensalidade e cadastro de produtos ilimitados. Entretanto, no plano gratuito Trend da MineStore, o usuário repassa 2,99% do preço do pedido para a plataforma. Quem abre uma loja virtual pela MineStore poderá receber pagamentos pelo PagSeguro Uol, Mercado Pago e PayPal. Confira como fazer o cadastro no site e usar o Plano Trend:

1º Passo: Acesse o site da MineStore e na parte central da página, o usuário terá que escolher a opção “Criar minha loja agora”, como está abaixo.

2º Passo: É necessário preencher o cadastro inicial com informações sobre a loja e os tipos de produtos que serão vendidos pela internet. Além disso, o empreendedor deve informar à MineStore o nome completo, um telefone, endereço de e-mail e cadastrar uma senha. Depois, o usuário deverá informar se já vende online, irá abrir uma loja virtual pela primeira vez ou se o site será para um cliente.

3º Passo: Após preencher todas informações, o vendedor terá acesso ao painel da loja virtual. Nele, o profissional verá estatísticas de venda do negócio e o número de visitantes do site. Além desses dados, a MineStore permite que o usuário consulte informações sobre pedidos, acesse relatórios de venda e faça o controle do estoque da loja online.

4. Tanlup

O Tanlup é uma plataforma com diversos profissionais em artesanatos, confecções de roupas e produtos de papelaria. Além de comprar dos vendedores cadastrados no site, o usuário pode criar uma página no Tanlup e vender online os itens do seu negócio. O cadastro é gratuito e bem prático. Veja abaixo:

1º Passo: No site do Tanlup, escolha a opção “Criar uma loja agora”.

2º Passo: Na tela seguinte, o vendedor precisará fazer um cadastro na plataforma para começar o processo de criação da loja online. Caso a empresa ou negócio já tenha uma página no Facebook, o usuário pode usar essa conta para fazer um cadastro no Tanlup. No contrário, clique na opção “Crie uma conta aqui”.

3º Passo: O usuário terá que preencher o cadastro com nome completo, e-mail, nome de usuário, senha, data de nascimento e sexo. Depois, a conta no Tanlup estará aberta. O vendedor poderá comprar de outras lojas cadastradas e montar a loja online com os próprios produtos.

Fique atento! O Tamlup não cobra mensalidade no Plano Básico, no entanto, o site permite o cadastro de até 30 produtos na loja virtual e 5 imagens por item nesse plano. Além dessas regras, o Tamlup cobra taxa de 4,5% sobre o preço dos produtos vendidos, mais os encargos de pagamento!

5. Loja2

O site Loja2 permite que o empreendedor crie uma loja personalizada e venda online os produtos do seu negócio. O usuário pode ter uma conta grátis e adicionar quantos produtos quiser, sem limites de visitantes. Também é possível fazer integração com as redes sociais, Google, PagSeguro Uol e PayPal. Entenda como funciona a criação da loja grátis pelo Loja2!

1º Passo: Na tela inicial do site Loja2, clique no botão “Criar minha loja grátis”.

2º Passo: O comerciante deverá preencher os campos com o nome que deseja colocar no site da empresa, e-mail e cadastrar uma senha. Selecione a opção “Criar loja grátis”.

3º Passo: Após confirmar os dados anteriores, o usuário já poderá cadastrar produtos na loja online, criar categorias e editar mais informações na plataforma do Loja2.

6. Weebly

Além de poder criar sites e blogs, o Weebly permite que empresários criem uma página na internet para vender online. A plataforma garante hospedagem de e-commerce gratuita com a possibilidade incluir produtos e vídeos aos site. Além disso, o usuário do Weebly consegue acompanhar as compras feitas por clientes em seu site direto pelo aplicativo da plataforma, disponível em sistemas Android e iOS. Veja como abrir uma loja online pelo Weebly:

1º Passo: No site do Weebly, os visitantes devem escolher a opção “Vamos começar” na tela inicial.

2º Passo: O usuário deve preencher os campos de cadastro com algumas informações pessoais, incluindo nome, sobrenome, e-mail, país de origem e criar uma senha de acesso ao sistema Weebly.

3º Passo: Nas páginas seguintes, o vendedor deverá responder informações sobre a empresa, como nome do negócio, se já possui uma loja online, o ramo de atuação que terá a loja virtual e o endereço físico da empresa ou do escritório.

4º Passo: Após responder todas as perguntas feitas pelo Weebly, o usuário terá acesso ao painel da loja virtual, onde poderá cadastrar produtos, monitorar estoque e pedidos, desenvolver o layout do site e outras funções de vendas e visitas à loja online.

7. Mozello

A Mozello é uma ferramenta para a criação de sites e lojas online. No site, os usuários conseguem desenvolver páginas e vender produtos pela internet com acesso a diversas ferramentas disponíveis no e-commerce, como carrinho de compras e programas de pagamentos seguros. Veja abaixo como abrir uma loja online pela Mozello!

1º Passo: No site da Mozello, escolha a opção “Criar uma loja online” em vermelho, como na imagem abaixo.

2º Passo: Quando a página seguinte abrir, o vendedor precisa colocar um e-mail da empresa e uma senha de acesso. Depois, confirmar para qual finalidade o site será criado. Logo, selecione a opção “Loja online”.

3º Passo: A Mozelo solicitará que o vendedor coloque o nome da loja e escolha um design para o site. Depois que escolher o layout que representa melhor o negócio, o usuário poderá acessar o painel de configuração da loja virtual e cadastrar os produtos que pretende vender online e alterar o design da página.

Veja também!