6 ideias infalíveis para ganhar dinheiro na Copa do Mundo

  • Google+
  • LinkedIn

Você pode investir no seu negócio, ser guia turístico ou trabalhar como tradutor! Confira seis dicas de trabalho para se dar bem no maior evento esportivo do mundo

6 ideias infalíveis para ganhar dinheiro na Copa do Mundo



A Copa do Mundo vai parar o Brasil de 12 de junho a 13 de julho! E será uma ótima oportunidade para ganhar uma grana extra – desde que você saiba fugir das armadilhas desse evento. Com 64 jogos espalhados por 12 cidades, a previsão é que um milhão de turistas venha para o país. E são eles que vão ajudar você aumentar o orçamento do próximo mês! Quer saber como? Então, confira seis ideias criativas para ganhar dinheiro nessa época do ano.

1. Invista na televisão

Não é necessário estar na porta do estádio para ganhar dinheiro: se você for dono de um negócio, como bar ou restaurante, investir na instalação de televisões pode ser lucrativo! É a sua chance de atrair clientes que querem acompanhar os jogos fora de casa e, quem sabe, eles não se tornam um público fixo do bar? Afinal, quem não for turista poderá voltar mais vezes quando a Copa terminar.

2. Alugue um quarto

Se você tem um cômodo vazio na sua casa, alugue-o para os turistas que estiverem atrás de opções mais baratas para a temporada aqui no Brasil, principalmente se você morar perto de estações de metrô, trem ou de algum dos estádios. Nesses casos, a procura é maior e, portanto, o lucro cresce também.

3. Thank you!

Se você domina o inglês – ou sabe se virar bem – não perca a chance de oferecer seu trabalho de tradutor para donos de lojas, mercados ou qualquer outro tipo de comércio. E mais: as vagas para secretária, porteiro, carregador de malas estarão em alta. Se você souber se comunicar em inglês, fique atento às contratações de hotéis e agências de turismo.

4. Divirta-se como guia turístico

Pra quem conhece bem a cidade onde mora – e conhece um pouco de inglês – oferecer um passeio turístico pode ser uma boa alternativa. Muitos estrangeiros já fecharam pacotes com as agências, mas ainda existe aquela parcela que veio programada para ver os jogos e ainda não sabe como explorar a cidade. Nesse caso, monte um roteiro curto e que possa ser realizado com transporte público, visitando os principais locais da cidade. Leve em conta a gastronomia, afinal, os turistas adoram a culinária brasileira!

5. Aposte no seu talento e faça lembrancinhas brasileiras



Artesanato, como bijuterias, chaveiro, camiseta, bandeira e capa de chuva customizados com o símbolo do Brasil: não tem erro! Que tal usar suas habilidades manuais para criar essas lembrancinhas? Você tem grandes chances de vender todo o estoque para os turistas que desejam levar alguns objetos com a cara do Brasil. Afinal, quem nunca foi para outro país e trouxe para casa uma lembrancinha de lá?

6. Luz, câmera, ação

Fotografe os turistas! Investir em uma câmera para tirar fotos nos pontos turísticos mais movimentados da cidade pode render uma grana e ser bastante divertido! E, dependendo da foto, você consegue enviar para sites de notícias e tentar receber um pagamento por isso.

Fuja das furadas!

O clima é de festa, com toda a torcida naquela animação! Mas não se esqueça: o evento dura um mês, então, cuidado com qualquer decisão que faça você gastar mais do que terá de lucro – principalmente se você fizer um investimento que valerá apenas para a copa!

Onde encontrar o turista



É importante saber que os estádios não são os melhores lugares para encontrar os estrangeiros. Isso porque você não poderá vender nada ao redor: a FIFA tem uma área de restrição comercial que chega a cobrir 2 km ao redor do estádio e proíbe a venda de qualquer produto que não seja dos patrocinadores do evento. Então, os carrinhos de lanche e de bebida podem ser proibidos de circular nessas áreas.

O jeito é circular próximo a restaurantes e bares após os jogos para tentar vender seus produtos ou oferecer os serviços de guia turístico. Boa sorte e não se esqueça de se divertir nessa Copa do Mundo!





Comentários:

Atualmente recebemos centenas de perguntas todos os dias. Com isso, os comentários não serão respondidos mais pela equipe Konkero. A intenção é que os próprios usuários ajudem uns aos outros. Não nos responsabilizamos por erros, omissões ou imprecisões nas nossas respostas uma vez que elas não substituem a orientação de especialistas como advogados, contadores, especialistas em finanças etc. Importante: quando você faz um comentário, ele fica público nessa página após a aprovação da nossa equipe e também será publicado em sua timeline no Facebook de acordo com suas configurações de privacidade. Nos reservamos o direito de excluir comentários considerados inapropriados, ofensivos ou de divulgação de produtos e serviços.