Subsídio habitacional – O que é e o que significa - Konkero

Subsídio habitacional - O que é e o que significa

Entenda o que é o subsídio e como ele funciona no programa Minha Casa Minha Vida.

O subsídio habitacional é um benefício que o Governo Federal disponibiliza a famílias de baixa renda que procuram adquirir sua primeira casa própria. Consiste em uma quantia de dinheiro que tem como finalidade o pagamento de parte do financiamento do imóvel, semelhante a um desconto.

Deste modo, caso uma família receba um subsídio habitacional de R$ 30 mil para financiar um imóvel de R$ 150 mil, o total a ser pago é R$ 120 mil. Os R$ 30 mil referente ao subsídio são responsabilidade do governo.

Os requisitos para conseguir o subsídio habitacional são:

  • Ser brasileiro ou naturalizado brasileiro;
  • Ser maior de 18 anos;
  • Não ter nenhum imóvel registrado em seu nome;
  • Não ter sido beneficiado por nenhum programa habitacional oferecido pelo Governo, como o Minha Casa Minha Vida.

O benefício pode depender da renda familiar de quem o solicita, da idade, preço e região do imóvel, entre outras fatores. No programa Minha Casa Minha Vida, por exemplo, apenas pessoas com renda familiar de R$ 1.800 a R$ 4 mil, que se enquadram em três das quatro faixas de renda, têm direito ao subsídio.

Ao ser aprovado, o indivíduo pode escolher entre manter o valor das parcelas e abater os últimos meses, reduzindo o prazo total do financiamento, ou não modificar o prazo de pagamento e reduzir o valor de cada parcela. O dinheiro que foi ganho não poderá ser utilizado para o pagamento da entrada do imóvel.

Subsídio habitacional: o que isso muda na minha vida

No caso do programa Minha Casa Minha Vida, o subsídio habitacional atua reduzindo o valor total que será financiado pelo futuro dono do imóvel de acordo com a renda do beneficiário, o valor e a localização do imóvel.

O subsídio é uma excelente oportunidade, pois torna mais acessível o sonho de se obter a casa própria. O dinheiro disponibilizado pelo Governo Federal é dado ao beneficiário, ou seja, não precisa ser devolvido.

O benefício é exclusivo para famílias de baixa renda, auxiliando no processo de obtenção da moradia, pois reduz o valor das parcelas ou abate as últimas prestações do financiamento.

O Governo pode liberar até 90% do valor do imóvel como subsídio, se o beneficiário estiver dentro dos critérios necessários e o valor da prestação corresponder a 5% da renda bruta familiar.

Veja também!