Seguro para celular: será que você precisa de um?

Ele pode evitar mais prejuízos se o aparelho for roubado ou danificado. Saiba mais sobre essa proteção e decida se deve ou não contratar um seguro de celular.

Nos dias de hoje, é praticamente impossível viver sem celular. Além de permitir que você se comunique em qualquer lugar, seja por ligação, email ou mensagem, seu smartphone ainda guarda toda a sua vida em um mesmo lugar, com fotos, músicas e anotações importantes. Por isso, perder ou quebrar o celular é um prejuízo que vai além do financeiro e, nesse caso, difícil de evitar. Mas se você gostaria de diminuir os gastos que teria na quebra ou perda, vale a pena saber mais sobre o seguro de celular.

Confira agora quanto custa, quais são as principais coberturas e onde você pode contratar o seguro para celular!

Quanto custa o seguro para celular

“Dependendo do tipo de aparelho, o custo do seguro para celular pode chegar a 20% do valor total do celular”, explica José Varanda, professor da Escola Nacional de Seguros, entidade que busca capacitar profissionais para atuar nessa área. Por exemplo, o celular Samsung Galaxy S5, que custa em torno de R$ 1.200*, teria o seguro para celular mais caro no valor de R$ 240 se a empresa seguradora cobrasse 20% do preço do aparelho.

Sem dúvida, o preço nem sempre vale a pena, mas não custa pesquisar, pois existe uma variação na cobrança que depende da frequência de roubos, furtos e acidentes de cada modelo. Além disso, a marca e o ano do celular, além do bairro onde você mora, podem fazer o preço do seguro do celular subir.

Você tem que pagar para acionar o seguro de celular

E o nome dessa cobrança é franquia. Então, além de pagar o valor do seguro para celular, será cobrada outra quantia caso você precise usá-lo. O valor também muda conforme plano e cobertura, mas saiba que, caso você precise acionar o seguro do celular, esse custo vai existir.

Tipos de cobertura do seguro para celular

Além de roubo e furto qualificado (quando não há contato com a vítima), existe cobertura para incêndio, queda de raios, explosões, vendavais, quedas, quebras e amassados previstos em contrato. Algumas seguradoras oferecem coberturas adicionais para o caso de danos elétricos de curtos-circuitos, sobrecargas, oscilações de tensão e outras situações possíveis nesse caso. Apesar disso, roubo e furto ainda são os motivos mais comuns que fazem o consumidor acionar o seguro.

Será que vale a pena contratar um seguro para celular?

“Como a quantidade de roubo e furto está aumentando, a procura por esse seguro também cresceu. Então, eu acredito que no caso de celulares, smartphones e equipamentos portáteis, a contratação vale a pena”, orienta o especialista José Varanda. Entretanto, antes de fazer o seguro de celular, leve em conta todos os riscos e o valor que você teria que desembolsar. Se ainda achar que vale a pena ter esse tipo de proteção, pesquise valores em empresas diferentes e compare as propostas e as coberturas. Em relação ao contrato, leia com atenção todas condições.

Onde encontrar o seguro para celular

Seguro de celular da Minuto Seguros

Tipo de aparelho: Smartphones.

Preço: Varia de acordo com ano e modelo. Para fazer uma simulação clique aqui.

Coberturas: Básica, que cobre danos físicos, como impacto de veículos, incêndio, raio ou explosão, tentativa de roubo. Além das coberturas adicionais, que dão desconto do equipamento no caso de roubo com ameaça, danos elétricos, garantia internacional e para acessórios.

Seguro de celular da Mapfre

Tipo de aparelho que cobre: Smartphones.

Preço: Varia de acordo com o modelo e as cotações são feitas somente pelo telefone 0800 – 7754545.

Coberturas: Básica, que cobre furto resultado de arrombamento ou roubo. Além de coberturas adicionais, que cobrem acidentes que não foram consequências de problemas do aparelho, e danos elétricos.

Seguro para celular da Porto Seguro

Tipo de aparelho que cobre: Smartphones.

Preço: varia de acordo com o ano e o modelo do celular, por exemplo. Para saber quanto irá pagar nessa seguradora, clique aqui.

Coberturas: Básica, que cobre incêndio, raio ou explosão, impacto de veículos e tentativa de roubo. E opcionais, que dão descontos no aparelho em caso de roubo com ameaça, tem garantia internacional e cobre danos elétricos.

Seguro de celular Tim

Tipo de aparelho que cobre: Celular, Tablet ou Modem 3G.

Preço: variam de acordo com o ano, modelo e valor atual do celular. Você pode ter maiores informações no site da Tim.

Coberturas: roubos e furtos em todo o território brasileiro. Também dá para contratar o Seguro Conectado e Protegido, com cobertura internacional.

Seguro para celular Vivo

Tipo de aparelho que cobre: Celular, Tablet ou Modem 3G.

Preço: varia de acordo com ano e modelo. Para fazer uma simulação clique aqui.



Coberturas: Vivo Proteção Celular para roubos e furtos qualificados.

Entenda como essa matéria foi elaborada

O custo do aparelho e principais condições do seguro de celular nas seguradoras foram pesquisados no dia 04/08/2016 e estão sujeitos a alterações sem aviso prévio. Para maiores informações sobre contratação e cobertura de seguro para celular, é necessário entrar em contato com a seguradora de sua preferência.

Veja também!




comentários