Os serviços gratuitos para quem completou 60 anos

Fique por dentro do que é de graça para essa faixa etária e saiba quais lugares oferecem descontos nos serviços para quem passou dos 60 anos

Alguns direitos são garantidos – e gratuitos! – para quem tem essa idade! Mas para ter acesso a eles, é importante conhecer quais são os serviços e os benefícios que ajudam quem já completou 60 anos. Se você tem parentes nessa faixa etária, fique por dentro de quais são esses direitos e não deixe de alertar seus familiares!

1. Transporte

Completou 65 anos? Então, o transporte público é gratuito! Algumas cidades também garantem a gratuidade no transporte para quem tem entre 60 e 65 anos, mas depende da lei adotada pela prefeitura. Por isso, não deixe de se informar.

Como fazer: Para ter acesso ao benefício, basta mostrar um documento de identificação.

No caso dos transportes coletivos interestaduais, o Estatuto do Idoso garante a gratuidade e o desconto na passagem para pessoas acima de 60 anos. Em cada ônibus estão garantidas pelo menos duas vagas gratuitas, que são distribuídas de acordo com a ordem de compra da passagem. Mas, se houver mais passageiros nessa faixa etária, serão oferecidos descontos de pelo menos 50% na passagem.

Como fazer: Para utilizar este benefício, solicite um Bilhete de Viagem do Idoso em um dos pontos de venda da transportadora com pelo menos três horas de antecedência. Se você recebeu o desconto de 50%, compareça ao guichê da empresa com pelo menos doze horas de antecedência para pedir o seu benefício.

2. Saúde

O Sistema Único de Saúde (SUS) é gratuito para toda a população, mas se algum familiar seu está com mais de 60 anos, ele tem direito a um atendimento preferencial. Além disso, é garantido o acesso gratuito a remédios, principalmente os medicamentos que são usados em tratamentos, como diabetes ou hipertensão.

E saiba que você pode acompanhar o seu parente no hospital se ele estiver nessa faixa etária! Afinal, o Estatuto do Idoso garante o direito a um acompanhante para em casos de internação ou estado de observação em qualquer unidade de saúde.

3. Previdência

Sua mãe não fez uma previdência privadae vive com dificuldades? Conheça o Benefício de Prestação Continuada (BPC). Ele é um direito garantido pela Constituição Federal e paga um salário mínimo para quem completou 65 anos, mas não tem condição de se sustentar.

Como fazer: Não é preciso ter contribuído para a Previdência Social para conseguir esse benefício, mas o idoso deve comprovar a dificuldade financeira. Então, a situação dele será reavaliada a cada dois anos para verificar se ele deve continuar recebendo o benefício. Para solicitar o pagamento, é preciso ir a uma agência do INSS levando os documentos necessários e a declaração sobre a renda familiar. Moradores de rua também têm direito ao benefício, basta colocar no campo do endereço o local da rede socioassistencial que o acompanha ou o de pessoas com quem tem proximidade.



Peça os descontos

Qualquer tipo de evento artístico, cultural, esportivo ou da área de lazer garante desconto de 50% no ingresso e acesso preferencial para quem tem mais de 60 anos! Ou seja: dá para pagar menos em ingresso de cinema, peças de teatro, shows musicais e ingresso de estádio de futebol! Entradas em parques também têm esse desconto.

Conheça o Brasil!

Viajar para novos lugares também ficou mais fácil. O programa Viaja Mais Melhor Idade é uma iniciativa do Ministério do Turismo que indica uma lista de descontos e vantagens oferecidos pelas empresas cadastradas no programa. São descontos a partir de 20% em hospedagem, passeios turísticos e locação de veículos para quem tem mais de 60 anos.




comentários