Lâmpada incandescente, fluorescente ou led: qual é mais econômica? - Konkero

Lâmpada incandescente, fluorescente ou led: qual é mais econômica?

Você sabia que o modelo da sua lâmpada pode interferir no valor da sua conta de luz? Saiba qual é a mais econômica entre a incandescente, fluorescente e led.

Se a conta de luz está mais cara do que você esperava, saiba que trocar as lâmpadas é uma alternativa para reduzir bastante esse gasto. Existem três tipos de lâmpadas no mercado: as incandescentes, as fluorescentes compactas e as de LED. Mas a escolha vai depender tanto do preço quanto da durabilidade de cada uma.

Antes de comparar os valores, vale a pena entender um pouco sobre os modelos:

incandescente Incandescente
Até 2014, este tipo de lâmpada era o mais comum e também o de menor preço. Atualmente, sua utilização está bem reduzida, por causa do seu alto consumo de energia comparado às outras opções. A versão de 60 W, que era a mais procurada, não é mais fabricada. Hoje é possível encontrar as versões de 25 W e 40 W, que podem ser dimerizadas (reguladas).
Fluorescente compacta
Esta lâmpada é mais econômica do que a anterior porque a versão da fluorescente com 15 W ilumina da mesma forma que a incandescente de 60 W. Isso significa uma economia de até 80% na conta de luz. O preço é maior, como você verá abaixo, mas se somados o preço da lâmpada com o gasto de energia de um ano, a fluorescente sai quase três vezes mais barata.
fluorescente
LED LED
A lâmpada de LED consegue ser ainda mais econômica no consumo de energia. Com apenas 10 W você deixa um ambiente iluminado com a mesma intensidade que a incandescente de 60 W ou a fluorescente compacta de 15 W. Quando esta opção começou a ser usada, o seu preço era bem superior ao das outras lâmpadas. No entanto, como o seu uso foi ampliado, é possível encontrá-la com um preço mais acessível.

 

Os gastos de cada lâmpada

Comparamos os preços destes três tipos de lâmpada, todos vendidos na mesma loja online – a Leroy Merlin. Confira abaixo quais os modelos escolhidos e as potências de cada um:

As lâmpadas comparadas

Incandescente (40 W)

Produto: Lâmpada Bolinha Luz Amarela 40 W, da Kian
Preço: R$ 5,79 na loja online Leroy Merlin
Característica: Pode ser dimerizada.

Fluorescente compacta (15 W)

Produto: Lâmpada Fluorescente 3U Luz Branca 15 W, da Lexman
Preço: R$ 8,99 na loja online Leroy Merlin
Característica: Não pode ser dimerizada.

LED (11 W)

Produto: Lâmpada LED Bulbo Luz Neutra 11 W, da Lexman
Preço: R$ 14,99 na loja online Leroy Merlin
Características: Não dimerizável

Qual delas você economiza mais

A última coluna da tabela abaixo, chamada de Gasto total, mostra o custo que você terá com cada lâmpada somando o preço do produto e o gasto na conta de energia durante um ano. Confira:

Comparação entre lâmpada incandescente, fluorescente e led

Tipo da lâmpada Watts (potência) Preço Gasto total em um ano
Incandescente 40 R$ 5,79 R$ 36,12
Fluorescente compacta 15 R$ 8,99 R$ 20,36
Led 11 R$ 14,99 R$ 23,33

*A tarifa usada no cálculo dos valores foi a tarifa residencial plena, cobrada de pela Enel, e que tem valor de R$ 0,25971 kWh (com impostos incluídos).

Importante: Consideramos que a lâmpada será utilizada durante 8 horas por dias nos 365 dias do ano para compará-las igualmente.

Segundo a tabela, a opção mais econômica é a fluorescente compacta.

Mas afinal, qual lâmpada comprar?

Escolher a fluorescente faz você economizar no valor final da conta de luz porque ela gasta 80% menos energia do que a incandescente. A LED diminui ainda mais a conta de luz, mas como o preço do produto é muito maior, você não economiza tanto em um ano ou dois.

A conclusão: prefira a fluorescente compacta.

Quando a LED valeria a pena: se você encontrar lâmpadas de LED com durabilidade de cinco anos e que tenham garantia por esse período. Como a fluorescente dura menos tempo, você demoraria mais para trocar a lâmpada de LED e, dessa forma, economizaria dinheiro em um prazo maior.

Veja também!