. Como economizar dinheiro em 7 passos simples - Konkero

Como economizar dinheiro em 7 passos simples

Está afim de guardar uma grana para comprar o seu carro ou fazer aquela tão sonhada viagem? Confira as dicas da Konkero para economizar dinheiro e realizar os seus sonhos!  

Uma viagem internacional, um carro novo, a casa própria ou entrar na faculdade. São incontáveis os sonhos que as pessoas têm ao longo da vida. Para conseguir realizar todos é importante estar disposto a correr atrás do objetivo e, com isso, ter que abrir mão de alguns gastos mensais.

Vale lembrar que é muito importante ter foco e saber onde você quer chegar. Não adianta querer comprar um carro novo, por exemplo, e na primeira oportunidade gastar o dinheiro guardado para as parcelas em compras sem necessidade. Para economizar dinheiro é fundamental mudar hábitos e estar disposto a entrar em uma nova rotina.

Confira as dicas da Konkero para guardar dinheiro e conquistar os seus sonhos.

1. Defina o seu objetivo

Antes de qualquer outra dica é fundamental saber qual é o seu objetivo principal. Estude os preços em mais uma empresa e descubra o que realmente você quer. Agora imagine um jogo de tabuleiro em que o jogador principal é você. Na linha de chegada está o seu objetivo e no caminho estarão todos os desafios para você ganhar o prêmio final.

Por isso, antes de comprar aquela pizza ou sair com os amigos todas as sextas-feiras a noite, lembre-se do “tabuleiro” e do seu prêmio final. Se mesmo assim ainda quiser sair, combine de dividir o valor da conta com os seus amigos e familiares para que você consiga economizar dinheiro e chegar no seu objetivo principal.

2. Faça um planejamento

Depois de definir qual é o seu objetivo, agora é a hora de montar o seu planejamento. Comece ele fazendo algumas perguntas como essas a seguir:

  • Qual será o valor total da minha compra?
  • Quando irei efetuar minha compra?
  • Quanto do meu orçamento mensal será comprometido com essa compra?
  • Por quanto tempo minha compra será parcelada?

Com as respostas para essas perguntas será mais fácil planejar o que você pode ou não comprar, quanto dinheiro será preciso economizar para conquistar o seu objetivo e começar a cortar alguns gastos, conforme a próxima dica!

3. Coloque os seus gastos no papel

Reúna todas as suas despesas mensais, não esqueça de nada. Tudo que for gasto com frequência por você e sua família precisam estar registrados. Verifique o que pode ser cortado ou reduzido e guarde o dinheiro que seria gasto para o seu objetivo principal.

Todo mundo tende a olhar para as despesas e falar: “mas não tenho nenhum gasto que dá para cortar”. E, mesmo se você parar alguns minutos para tentar montar uma lista, provavelmente chegará a essa conclusão. Preste atenção nos seus hábitos de compra e localize as despesas que podem ser cortadas.

Tarifas de banco

Os bancos oferecem diversos pacotes com serviços bancários e muitas vezes os clientes acabam adquirindo produtos que não usam. Será que você não está pagando por um serviço que não utiliza? Veja no seu banco os pacotes de serviços bancários com preços menores e mude para algum deles ou faça a portabilidade da sua conta para uma outra instituição bancária com taxas menores.

Tarifas de cartão de crédito

Entre os produtos oferecidos pelo banco está o cartão de crédito. Se você tiver um desses e deseja trocar por um mais simples, entre em contato com o banco, cancele o atual e peça um com anuidade e taxas menores. Cartões internacionais, por exemplo, costumam ter anuidade mais cara que os nacionais. Procure fazer a troca por um modelo nacional.

Seguros

Assim como os bancos, as seguradoras oferecem inúmeros serviços que muitas vezes são cobrados com seu seguro, mas que você desconhece. Nesse caso, tente negociar o cancelamento daqueles que considerar desnecessários.

Juros do cheque especial e cartão de crédito

Está com dívidas no cheque especial ou faturas do cartão de crédito em atraso? Não deixe de negociá-las antes de fazer uma nova compra. Você precisará conversar com o banco ou a financeira e perguntar o que pode ser feito para fazer a redução da dívida. Todos os clientes têm o direito à negociação de débitos em aberto.

Telefone / TV a cabo / internet

Esses serviços tiveram os preços reduzidos nos últimos anos. Então, se você tem um plano antigo, provavelmente está pagando mais caro do que poderia. E você só vai descobrir isso se tentar negociar ou falar com outra empresa que presta o mesmo serviço;

Gastos com academia 

Frequentou a academia por um tempo, mas deixou de ir? Pode ser a hora de escolher um plano mais simples, encerrar a matrícula ativa ou fazer mais exercícios ao ar livre para economizar dinheiro.

4. Se pergunte “Eu realmente preciso disso?”

Muitas dívidas são criadas por compras feitas por impulso, sem qualquer pesquisa de preço ou pedido de desconto. Vitrines de lojas, comerciais de TV, anúncios na internet e a falta de autocontrole são  alguns dos fatores que facilitam as compras por impulso.

Pensar no seu objetivo é uma forma de fugir não só das compras compulsivas, mas de qualquer compra para economizar dinheiro. Antes de gastar o dinheiro, pergunte-se: “Eu realmente preciso disso?”. Parece algo sem importância, porém, faz com que você lembre do seu prêmio final e não compre algo sem necessidade para aquele momento.

5. Se for comprar, pague à vista

Precisou comprar algo ou economizou durante um tempo e resolveu se dar um presente? Nada de cartões de crédito. Procure pagar com o cartão de débito ou em dinheiro. Com isso, você evita fazer parcelas e comprar mais do que o necessário, além de não precisar pagar as taxas do cartão de crédito.

Existem muitas páginas que reúnem cupons de descontos em lojas da internet. Confira 5 sites e aplicativos para conseguir descontos e economizar dinheiro.

6. Não atrase o pagamento das suas contas

Você não deve e nem precisa deixar de pagar as suas contas para realizar os seus sonhos. Seja responsável e não atrase os pagamentos da energia elétrica, água, gás e internet. Lembre-se que atrasar ou deixar o valor de contas em aberto geram juros e não pagá-las só faz com que a  dívida aumente.

Está nessa situação? Veja como negociar suas dívidas e fazer um bom acordo para sair do vermelho.

7. Abra uma poupança

Verifique com o seu banco como funciona a abertura de uma conta poupança. O ideal é que você transfira uma porcentagem do seu salário (10% a 15%) para a poupança todos os meses e não realize saques. Os rendimentos da poupança são menores, mas ela funciona como um cofrinho e você pode economizar dinheiro aos poucos a quantia necessária realizar o seu sonho.

Dica extra!

Se é grátis, é bom

Existe um preconceito no Brasil de que serviços ou produtos grátis não têm boa qualidade ou são escolhas de quem é pão-duro. Se esse for o seu caso, está na hora de rever seus conceitos!

Você sabia que as pessoas de alta renda são as que mais utilizam os serviços gratuitos? Muitas buscam remédios caros que o SUS disponibiliza e outras vão a exposições gratuitas, por exemplo.

Provavelmente, você já usa alguns serviços e produtos gratuitos. Mas a dica aqui é explorar ainda mais essa possibilidade! Veja alguns exemplos que separamos no portal da Konkero do que você pode conseguir sem pagar nada:

Veja também!




Precisando de dinheiro?
Solicite empréstimo pessoal online na KeroGrana.