Protesto em cartório: consulte grátis

Veja como você pode saber se há protestos em seu CPF ou CNPJ de forma online e sem pagar nada.

Como limpar o nome no cartório

Um serviço lançado pelo Instituto de Estudos de Protesto de Títulos do Brasil (IEPTB) permite consultar gratuitamente se alguém possui protestos em centenas de cartórios de protestos e títulos do Brasil. A consulta é online e basta entrar com seu CPF, CNPJ, RG ou RNE. Saiba mais sobre esse serviço!

Como fazer a consulta grátis online

O primeiro passo para fazer a consulta e saber se há pendências em seu nome é acessar o site http://site.cenprotnacional.org.br. Depois, digite e seu CPF ou CNPJ e clique em “Consultar grátis”. Na tela seguinte, você poderá ver quais protestos estão no seu nome, se houver.

Caso realmente exista alguma pendência, basta clicar no cartório que aparece a dívida e o telefone do local será exibido. Assim, você deve entrar em contato direto com o cartório para ver como quitar o seu débito.

Se for preciso, nesta mesma página você ainda consegue emitir uma Certidão de Protesto, negativa ou positiva. Caso não tenham protestos no CPF ou CNPJ que você pesquisou, a certidão será negativa. Já se foram acusados protestos, a certidão será positiva.

O IETPB é confiável?

O IEPTB é um instituto sem fins lucrativos e reúne centenas de cartórios do Brasil. Os Cartórios de Protestos de Títulos são órgãos vinculados aos Tribunais de Justiça.

A intenção dos cartórios em informar gratuitamente é ajudar as pessoas a resolverem seus problemas. Apesar disso, apenas a consulta é grátis. Caso tenha de resolver alguma pendência, o cartório cobrará as taxas normalmente.

O que é o protesto

O protesto ocorre quando alguém ou alguma empresa protesta um título (uma dívida). Isso significa que foi feito um registro em cartório de não recebimento de pagamento. Ou seja, ao protestar um título, como uma nota promissória, um contrato ou até mesmo um boleto bancário, a empresa notifica na justiça que o pagamento de uma dívida não foi feito – e isso faz com que o devedor fique com o nome sujo.

Veja também!





Solicite seu empréstimo

Guilherme Prado: graduado e mestre em administração de empresas pela EAESP-FGV. Empreendedor há 21 anos, escreve sobre finanças pessoais há 8 anos.


Siga-nos nas redes sociais

Copyright © 2020 Konkero. Todos os direitos reservados.

Regras de uso do site Política de privacidade
Google Safe Secured SSL