Meu nome está limpo depois que paguei a dívida?

Depois que você paga a primeira parcela da negociação, seu nome tem que ficar limpo em até 5 dias úteis. Entenda.

Meu nome está limpo depois que paguei a dívida?

Quem fica negativado por causa de uma dívida tem o nome limpo em até cinco dias depois do pagamento da primeira parcela da negociação. Depois que o acordo entre credor e devedor é feito, e que a primeira parcela é paga, a empresa credora precisa avisar os órgãos protetores de crédito e pedir para que o nome do devedor seja retirado das suas listas. Saiba mais como funciona esse processo.

Paguei a dívida. Meu nome já está limpo?

Depois que a negociação é feita e que a primeira parcela é paga, a empresa credora precisa, obrigatoriamente, avisar os órgãos de proteção ao crédito, como o Serasa, o SPC e o SCPC Boa Vista, e solicitar a retirada do nome do devedor das suas listas.

O aviso tem um prazo máximo de até cinco dias úteis, e os órgãos, depois de receber a solicitação, têm até um dia útil para fazer a retirada. Dessa forma, o nome fica limpo em poucos dias.

Vale lembrar a importância de manter os pagamentos da negociação. Caso você fique inadimplente novamente, o seu nome pode ficar sujo de novo, e aí um novo acordo terá que ser feito, e você terá que esperar mais alguns dias para ter seu nome limpo de novo.

Como negociar

Quem quer ficar com o nome limpo rápido precisa fazer a negociação o quanto antes. Porém, é preciso ter alguns cuidados nesse processo, para não correr o risco de ficar negativado de novo.

Antes de a negociação ser feita, é importante que o devedor faça um planejamento financeiro, sabendo de todos os seus recebimentos e despesas, e encontrando um valor para ser usado no pagamento da dívida. Sem esse planejamento, as chances de fechar um acordo com parcelas que pesam demais no orçamento são grandes.

Portanto, para não ter prejuízo no orçamento atual e deixar de pagar a parcela do acordo, saiba exatamente até quanto você pode pagar para quitar o débito.

Depois, é preciso ligar para o banco ou empresa credora e ver as condições da negociação. Não aceite qualquer oferta, mas uma que caiba no seu orçamento. Mesmo que você esteja ansioso para ficar com o nome limpo e resolver essa situação, vale a pena tomar essa decisão com calma, para evitar que outros problemas apareçam.

Converse até encontrar uma solução que seja boa para as duas partes. Você pode tentar uma redução de juros, ou um maior número de parcelas. O importante é que você consiga quitar o débito sem se endividar novamente.

Por fim, depois de fechar o acordo, não deixe de pagar as parcelas em dia, e dar prioridade para essa nova despesa.

Empréstimo online: compare em diferentes bancos
Acesse nosso comparador de empréstimos e receba ofertas de várias financeiras.

Basta limpar meu nome e está tudo resolvido?

Para a grande maioria dos empréstimos que você vai fazer, sim. Mas para financiamentos maiores, como comprar um carro ou imóvel, ter um histórico de nome limpo ajuda na hora de conseguir o financiamento ou taxas de juros menores.

Veja também!



Solicite seu empréstimo

Guilherme Prado: graduado e mestre em administração de empresas pela EAESP-FGV. Empreendedor há 21 anos, escreve sobre finanças pessoais há 8 anos.

Siga-nos nas redes sociais

Copyright © 2020 FinanZero. Todos os direitos reservados.

Regras de uso do site Política de privacidade
Google Safe Secured SSL