Como refinanciar seu carro - Konkero

Como refinanciar seu carro

Saiba como usar seu carro como garantia de crédito em uma emergência.


Pensou em usar o seu carro para pegar um empréstimo? O refinanciamento, como outros empréstimos, cobra juros e tem regras para ser aprovado. Se você está interessado em conseguir esse dinheiro, confira os cinco passos básicos para fazer o refinanciamento do seu carro.

Os passos para refinanciar o seu carro

1. Termine de pagar o veículo

A maioria dos bancos não libera o empréstimo quando o carro ainda está em financiamento. Este é o seu caso? Então, quite o carro antes de tentar refinanciá-lo. Se você não tem todo o dinheiro para pagar o que falta e precisa muito deste empréstimo, tente o refinanciamento até encontrar um banco que aceite o carro com dívida. Mas saiba que parte do dinheiro que o banco emprestar será usada para quitar o que você deve. E o que sobrar ficará com você.

2. Arrume a documentação

Além de preferir um carro quitado, o banco exige que o veículo esteja no nome de quem vai pedir o refinanciamento. Essa solicitação tem motivo: quando você pega o empréstimo, o carro fica como garantia do banco até você quitar a última parcela. Isso significa que se você deixar de pagar o que deve, pode perder o carro.

3. Procure o refinanciamento em três bancos

As taxas de todo empréstimo mudam conforme o banco. O melhor caminho é encontrar no mínimo três lugares que refinanciam veículos e perguntar qual a taxa de juros e o Custo Efetivo Total (CET). Fique com as opções que cobrarem os menores valores.

4. Espere o resultado da avaliação do carro

Assim que você decidir em qual lugar fará o refinanciamento, saiba que o empréstimo ainda depende de uma análise feita pelo banco. Quando você pedir a proposta, o banco vai verificar a documentação do veículo e o valor que ele tem. Então, quando o empréstimo for aprovado, você saberá exatamente quanto dinheiro vai pegar e quanto tempo terá para parcelar a dívida. Normalmente, o refinanciamento libera até metade do valor do carro. Atenção: o banco cobra por esta avaliação mesmo que não aprove o empréstimo depois. Por isso, pergunte antes quanto você será cobrado por isso.

5. Assine o contrato do empréstimo

Uma vez que o refinanciamento foi liberado, você terá que assinar o contrato e esperar alguns dias antes de receber o dinheiro na conta corrente. Aproveite esse momento para tirar qualquer dúvida sobre as regras do contrato.