Refinanciamento de imóvel do Itaú: conheça as regras - Konkero

Refinanciamento de imóvel do Itaú: conheça as regras

Está pensando em refinanciar um imóvel ou veículo? Conheça quais são as exigências para conseguir o Refinanciamento do Itaú.

Um dos empréstimos disponíveis no Itaú é o refinanciamento de imóveis residenciais ou comerciais. Nesse tipo de crédito, você precisa deixar o imóvel como garantia. Ou seja, você poderá perder o bem caso não pague pela dívida.

Fique atento à taxa de juros! No Itaú ela pode chegar a ser nove vezes maior do que a taxa cobrada na Caixa Econômica Federal, por exemplo. Não deixe de pesquisar e comparar esses valores porque quanto maior for a taxa de juros, mais caro será seu empréstimo.

Condições do refinanciamento de imóvel do Itaú

Além de ter um imóvel quitado em seu nome, é necessário ser cliente Itaú Personnalité. O banco também faz uma análise de crédito sua e avalia o preço atual do imóvel. Levando em conta essas informações, o Itaú decide se vai liberar o dinheiro – e quanto emprestará.

Itaú – Refinanciamento de imóvel

Tipo de imóvel: residencial ou comercial.
Valor do imóvel: não divulgado.
Valor do crédito: 60% do valor do imóvel até R$3 milhões.
Taxa de juros mensal: A partir de 1,2%
Média de prazo de pagamento: 10 anos.

Solicite o refinanciamento online:
Creditas: refinanciamento de veículo de até 90% do valor do veículo.
BCredi: refinanciamento de imóvel de R$30mil a R$4 milhões.
Creditas: refinanciamento de imóvel de R$50 mil a 50% do valor do imóvel.

Entenda como essa ficha foi elaborada

*As informações sobre o refinanciamento do Itaú foram pesquisadas em 11/04/2019 e estão sujeitas a alterações.

Quer saber mais sobre o refinanciamento de imóveis?