Quando refinanciar o seu imóvel

  • Google+
  • LinkedIn

No refinanciamento de imóvel você deixa sua casa como garantia do pagamento de um empréstimo. Descubra qual é o momento ideal para refinanciar o seu imóvel!

Quando refinanciar o seu imóvel



Se você já tem um imóvel em seu nome e precisa de crédito, pode optar pelo refinanciamento imobiliário. Com ele, dá para conseguir juros mais baixos do que em outras linhas de crédito, além de prazos maiores para o pagamento.

Gostou da ideia? Então, confira três situações em que refinanciar o imóvel pode ser um bom negócio.

Quando pegar um empréstimo com garantia de imóvel

1. Para reformar a sua casa

Com o refinanciamento você consegue o dinheiro que precisa para reformar o imóvel e pode pagar em mais tempo, para não se apertar. É uma boa se você mora com algum parente e precisa de mais um cômodo na casa.

2. Para investir no seu negócio

Se você precisa ampliar a empresa, divulgar o serviço, reformar o espaço ou ter capital de giro no seu negócio, pode procurar um refinanciamento, pois ele tem taxas de juros melhores do o empréstimo pessoal, por exemplo.

3. Para quitar dívidas mais caras

O dinheiro do refinanciamento pode ajudá-lo a quitar outras dívidas que têm juros altos, como cartão de crédito e cheque especial. Assim você concentra todas as parcelas em apenas um empréstimo.



Onde contratar o empréstimo com garantia de imóvel

Diversas instituições oferecem esse tipo de crédito e, com isso, as condições variam de um banco para o outro. Lembre-se de comparar as condições oferecidas e escolher principalmente a que tiver a menor taxa de juros, afinal, quanto menor a taxa, menos você pagará ao final do empréstimo.

Para facilitar sua comparação de refinanciamento de imóvel, é possível solicitar propostas online. Basta preencher os seus dados pessoais que a Konkero encaminha sua solicitação para diferentes bancos. Solicite agora sua proposta de refinanciamento clicando aqui. Se você procura por refinanciamento de auto, basta clicar aqui.



Fique de olho!

Antes de fazer o refinanciamento da sua casa, avalie o Custo Efetivo Total (CET) desse empréstimo. Ele mostra exatamente quanto você vai pagar pelo dinheiro que quer pegar.

E lembre-se: o refinanciamento é uma nova dívida. Por isso, você precisa analisar se poderá pagar as parcelas em dia para não correr o risco de perder sua casa para o banco.

Saiba mais




Comentários:

Atualmente recebemos centenas de perguntas todos os dias. Com isso, os comentários não serão respondidos mais pela equipe Konkero. A intenção é que os próprios usuários ajudem uns aos outros. Não nos responsabilizamos por erros, omissões ou imprecisões nas nossas respostas uma vez que elas não substituem a orientação de especialistas como advogados, contadores, especialistas em finanças etc. Importante: quando você faz um comentário, ele fica público nessa página após a aprovação da nossa equipe e também será publicado em sua timeline no Facebook de acordo com suas configurações de privacidade. Nos reservamos o direito de excluir comentários considerados inapropriados, ofensivos ou de divulgação de produtos e serviços.