Empréstimo para microeemprendedor: como conseguir

Veja as opções de crédito para quem é microempreendedor

duvida emprestimo pessoal

Um dos grandes desafios de todo microempreendedor e trabalhador autônomo é conseguir um empréstimo para ampliar seu negócio. Confira abaixo alguma das opções que você deve comparar.

Microcrédito: o microcrédito costuma ser uma boa opção de empréstimo para microempreendedores (MEI) e autônomos por apresentar juros mais baixos. Entretanto, alguns bancos exigem um tempo mínimo de empresa aberta. Saiba mais sobre o microcrédito clicando aqui.

Antecipação de recebíveis: para quem vende com cartão de crédito uma possibilidade é usar a antecipação de recebíveis que nada mais é do que receber agora o dinheiro de vendas que você receberia no futuro

Empréstimo pessoal: muitos microempreendedores, por falta de crédito, acabam recorrendo ao empréstimo pessoal na sua conta pessoa física e emprestando esse dinheiro para a própria empresa.

Capital de giro: para empresas mais formais e com faturamento maior o banco pode disponibilizar uma linha de capital de giro. Para isso você deve conversar com o gerente da sua conta de pessoa jurídica (conta da empresa).

Como tornar mais fácil a aprovação do empréstimo para o microempreendedor

Em todas as modalidades acima, os bancos fazem análise de crédito. Por isso, quanto mais formal o negócio, maiores chances de aprovação do empréstimo. Por exemplo, se o microempreendedor não possui empresa terá muita dificuldade em conseguir dinheiro com o microcrédito. Além disso, se o empreendedor trabalha como autônomo e não emite nota fiscal e sua renda é toda em dinheiro (não circulando pela conta bancária) fica muito difícil para o banco conseguir avaliar sua capacidade de pagamento.

Por isso a dica é: quanto mais formal o negócio, maiores as chances de aprovação do crédito.




comentários