Crédito para negativado: como conseguir

Precisa de dinheiro para uma emergência mas está com o nome sujo na praça? Entenda como você pode conseguir um empréstimo para negativado.

Conseguir crédito com o nome sujo não é uma tarefa muito simples. A maioria das empresas, sejam elas bancos, financeiras ou até mesmo lojas, fazem a consulta do CPF antes de liberar qualquer tipo de empréstimo. Assim, se você possui alguma restrição no nome, as suas chances de ter o crédito aprovado diminuem, afinal, as instituições entendem que você não terá condições de pagar pelo dinheiro que deseja pegar emprestado.

O ideal é que você regularize todas as pendências antes de procurar qualquer tipo de empréstimo, porém, se estiver precisando de dinheiro com urgência, confira abaixo algumas formas de conseguir um empréstimo com nome negativado.

Como conseguir crédito para negativado

São poucas as empresas que fazem esse tipo de negócio, porém, algumas instituições liberam crédito para quem está negativado. Vale lembrar que a taxa de juros desse tipo de empréstimo costuma ser bem alta, principalmente se for contratado em financeiras. Também é importante levar em consideração que o limite do empréstimo vai ser dado de acordo com o tamanho da sua dívida atualmente. Mas esse limite pode ser aumentado caso todos os pagamentos sejam feitos em dia.

Veja algumas alternativas de empréstimo disponíveis nessas condições:

1. Empréstimo para negativado online

Algumas empresas como a Simplic, por exemplo, oferecem empréstimo online para negativados. Apesar de ter juros altos, a Simplic costuma ser mais flexível na liberação de crédito e, assim, dependendo de quanto você estiver devendo, eles podem conceder o empréstimo. Os valores variam de R$ 500 a R$ 2.500. Para solicitar basta clicar aqui.

2. Empréstimo com garantia de imóvel ou veículo

Ao refinanciar um veículo ou imóvel, você pega um empréstimo e coloca o seu bem como garantia pelo pagamento. O interessante desse crédito é que, por conta da garantia, alguns bancos fazem a liberação mesmo para quem está negativado. Normalmente, a instituição analisa quais são as suas dívidas e se você estiver no CCF (Cadastro de Emitentes de Cheques Sem Fundo), eles costumam ser mais restritivos.

Com juros a partir de 1,15% ao mês, o refinanciamento de imóvel da Creditas está entre as melhores alternativas do mercado. Solicite a sua proposta clicando aqui.

3. Empréstimo consignado

No empréstimo consignado, as parcelas são descontadas direto do seu pagamento, antes mesmo do dinheiro cair na conta. Ou seja, o banco tem uma garantia de que você não vai deixar de pagar as parcelas do empréstimo e, em alguns casos, não dificulta a liberação de crédito para quem está negativado. Você pode, inclusive, usar o consignado para quitar as suas dívidas.

4. Débito em conta para aposentados e pensionistas

Esse tipo de empréstimo funciona de forma parecida com o empréstimo consignado. Com ele, o aposentado ou pensionista assina um contrato que permite que a financeira faça o desconto das parcelas direto da conta onde recebe a aposentadoria ou pensão. A diferença entre ele e o empréstimo consignado é de que no consignado o dinheiro é descontado antes de cair na conta, no caso do débito em conta, o valor é descontado no mesmo dia em que o benefício é depositado.



5. Penhor

A penhora de bens é uma opção para quem precisa de dinheiro com urgência. Sem burocracia, nesse tipo de empréstimo não é feita nenhuma análise de crédito, nem é preciso comprovar renda porque você deixa um bem valioso como garantia. Vale lembrar que essa é uma decisão que precisa ser bem pensada, afinal, os prazos de pagamento são mais curtos do que em outros tipos de empréstimo e, caso você não consiga fazer o pagamento, não conseguirá recuperar o bem que deixou como garantia.

Empréstimo online: solicite sem sair de casa
Simplic: empréstimos de R$ 500 a R$ 3.500.
Lendico: empréstimos de R$ 2,5 mil a R$ 50 mil.
BomPraCrédito: compare e contrate empréstimos de diferentes bancos.

Veja também

 




comentários