5 cuidados ao contratar um empréstimo pessoal

Conheça 5 cuidados que é preciso tomar antes de solicitar o seu empréstimo pessoal.

Sabemos que imprevistos acontecem e que o empréstimo pessoal ainda é uma das modalidades de crédito mais visadas por quem precisa de dinheiro rápido. Mas, nem todos tomam os cuidados necessários para garantir o melhor para o seu bolso e acabam fechando o negócio na primeira proposta de empréstimo que recebem, estando mais suscetíveis a cair em golpes.

Para ajudar com isso, a Konkero separou 5 dicas de cuidados que é bom ter antes de assinar o contrato e fechar o seu empréstimo pessoal com alguma instituição financeira. Confira!

1. Planeje suas finanças antes de contratar um empréstimo pessoal

O planejamento financeiro é essencial antes de optar por qualquer modalidade de crédito. Isso porque, além de garantir que você consiga pagar mês a mês pelo empréstimo pessoal contratado, evita que você se endivide e corra o risco de ter o seu nome incluído em órgãos como o SPC e a Serasa.

Esse é o primeiro passo para garantir que você conseguirá pagar pelo empréstimo tomado e não entre em uma dívida que pode virar uma bola de neve futuramente.

2. Compare a taxa de juros e o prazo do empréstimo pessoal

A taxa de juros aplicada pelas instituições financeiras para um mesmo empréstimo pessoal pode variar muito, principalmente se o empréstimo for tomado a partir de uma financeira, e quem sofre o impacto disso é o seu bolso.

Por exemplo, no dia em que esta matéria foi produzida, a financeira Facta estava com uma taxa de juros de 20,86% ao mês, enquanto o Banco Safra aplicava uma taxa de 1,49% ao mês. Para um empréstimo de R$ 5.000, com prazo de pagamento de 12 meses em ambas as instituições financeiras, o valor final do empréstimo pessoal seria de R$ 13.952,28 na Facta contra os R$ 5.497,44 que seriam cobrados pelo Banco Safra.

Percebeu a diferença? Comparar a taxa de juros de um empréstimo pessoal pode evitar um impacto muito grande no seu bolso. Também é importante não acreditar em taxas de juros muito baixas, porque pode existir a cobrança de outras tarifas que não são claramente explicadas, fazendo você pagar mais pelo crédito pessoal.

3. Cuidado com as taxas de juros muito baixas

Empréstimo pessoal que tem uma taxa de juros muito baixa pode ser furada! Isso porque pode acontecer das instituições financeiras abaixarem a porcentagem da taxa de juros para chamar atenção de mais clientes que precisam de dinheiro, porém, pode acontecer de existir a cobrança de tarifas que não são explicadas com clareza, como tarifa de abertura de crédito, seguros, impostos, etc.

4. Consulte o Custo Efetivo Total do empréstimo pessoal

O Custo Efetivo Total, ou CET, é o que vai definir quanto de fato você pagará pelo empréstimo pessoal contratado. Ele é, na verdade, uma taxa com a soma de todas as tarifas cobradas e mostrará tudo o que está incluso no seu empréstimo.

Por isso, o recomendado é que você compare as propostas analisando o Custo Efetivo Total para não correr o risco de ser surpreendido quando colocar a taxa de juros e o prazo para pagamento da dívida na ponta do lápis e descobrir que vai pagar muito mais do que o esperado.

O CET definirá se o seu empréstimo pessoal será barato ou caro, então, quanto menor for a taxa do CET, menos você pagará por ele. Portanto, não se esqueça: compare sempre os percentuais das instituições financeiras através do Custo Efetivo Total antes de contratar o crédito.

5. Cuidado com o depósito exigido para garantir empréstimo pessoal

Muitas pessoas ainda acreditam que é preciso pagar um depósito como garantia da liberação do crédito pessoal, mas isso não é verdade. Cobrar um depósito antecipado de quem está precisando de dinheiro é algo que não faz muito sentido e, além disso, é proibido por lei de acordo com o Código de Defesa do Consumidor.



Fique atento a isso! Se existir a cobrança de um depósito para o empréstimo pessoal, você pode estar prestes a cair no golpe de algum estelionatário.

*As informações referente à taxa de juros das instituições financeiras foram coletadas no site do Banco Central no dia 10 de outubro de 2018 e estão sujeitas a alterações.

Veja também!


Precisando de dinheiro?
Solicite empréstimo pessoal online no ibi Digital.