Saiba calcular o empréstimo consignado

O valor que funcionários públicos, pensionistas ou aposentados podem pegar emprestado depende do benefício ou salário que recebem. Descubra como fazer essa conta.

Aposentados, pensionistas do INSS e funcionários contratados de empresas privadas estão no grupo de quem pode pegar um empréstimo consignado. Apesar de existirem diferenças entre os tipos de consignado disponíveis, eles têm o mesmo cálculo para você prever quanto poderia pegar emprestado.

Como calcular o empréstimo consignado

Primeiro, você precisa descobrir quanto seria a parcela do crédito. Normalmente, os bancos aprovam um valor mensal que não não ultrapasse o limite de 35% do seu benefício ou salário. Mas há um detalhe importante: desse limite, obrigatoriamente 5% só poderá ser utilizado no cartão de crédito consignado. Ou seja, você pode pegar um empréstimo consignado com parcelas que comprometam no máximo 30% da sua renda ou benefício e os 5% restantes só podem ser usados via cartão consignado.

Para ter uma ideia do quanto seria essa parcela, veja quanto você recebe e multiplique esse valor por 0,35. Use o salário ou benefício líquido, que é o valor que entra na sua conta já com os descontos.

Exemplo: se você tem um salário de R$ 1 mil, multiplique esse valor por 0,35.

Salário líquido             R$ 1.000
Limite da parcela          X  0,35
Total                                   R$ 350

Neste exemplo, provavelmente o valor máximo da parcela do seu empréstimo consignado seria R$ 350.

O próximo passo é descobrir o total do crédito consignado. Só que isso vai depender do prazo de pagamento do empréstimo e dos juros cobrados pelo banco.

  • Prazo: quanto maior o prazo de pagamento, maior é o limite que você consegue pegar de empréstimo.
  • Juros: ao contrário do prazo, quanto maior a taxa de juros, menor é o valor que você consegue pegar emprestado.

Considerando um prazo de 72 meses:

  • Para juros de 2% ao mês o valor líquido emprestado seria de R$ 13.294
  • Para juros de 2,5% ao mês o valor líquido emprestado seria de R$ 11.634

É possível perceber que com o aumento da taxa de juros em 0,5%, o valor emprestado diminui quase R$ 2 mil.

Bancos e financeiras cobram juros diferentes e, dependendo da taxa, você pagará quase o dobro do que poderia pegar emprestado. Por isso, não deixe de consultar estes valores antes de fechar negócio. Veja o comparativo de taxas de juros cobradas no consignado do INSS.

Lembre-se: esta é apenas uma simulação, por isso, a proposta que o banco fará será diferente conforme o prazo do empréstimo e a taxa de juros. Além disso, se você está usando parte do benefício para outro consignado, terá uma aprovação de limite ainda menor. Clique aqui e entenda como fazer essa conta.

Empréstimo online: solicite sem sair de casa
Simplic: empréstimos de R$ 500 a R$ 3.500.
Lendico: empréstimos de R$ 2.500 a R$ 50 mil.
BomPraCrédito: compare e contrate empréstimos de diferentes bancos

Saiba mais sobre o empréstimo consignado

Esclareça 13 dúvidas importantes sobre o empréstimo consignado.




comentários