O que saber antes de fazer um empréstimo consignado

Conheça os seis cuidados que você precisa ter quando decide pegar este tipo de crédito

Se você precisa de uma grana extra e optou por um empréstimo consignado, é importante ficar atento a algumas condições. No consignado, por exemplo, o pagamento sai diretamente do salário ou do benefício antes que você receba esse dinheiro. Então, você precisa se organizar para pagar as contas com um orçamento menor. Mas como a cobrança é descontada em folha, o banco tem uma segurança maior de que receberá esse dinheiro e, por isso, as taxas de juros costumam ser menores do que em outros tipos de empréstimo. Fique por dentro do que você precisa saber antes de contratar o consignado.

O que saber antes de fazer um empréstimo consignado

1. Não faça o empréstimo no banco ou financeira que visitar

Se você não é servidor público, mas recebe aposentadoria ou pensão do INSS, pode pegar o consignado em qualquer banco que tenha convênio com seu tipo de benefício. Nesse caso, compare as taxas de juros em várias instituições financeiras para ter a segurança de que você optou pela mais barata.

2. Informe-se sobre todos os valores que terá que pagar pelo empréstimo consignado

Inclusive as taxas de juros, os possíveis acréscimos e a quantidade de parcelas do empréstimo. Dessa forma, você vai saber exatamente quanto será descontado do seu salário e até quando ficará com essa dívida. Peça o Custo Efetivo Total (CET) para encontrar a taxa de juros que está sendo cobrada, o valor da parcela e o custo final da dívida. Assim, fica mais fácil comparar os valores entre os bancos.

3. Leia o contrato do empréstimo consignado com calma

Confira se o valor e as condições de pagamento que estão no papel são os mesmos que foram combinados. Não assine nada que você não entender ou não concordar! Caso tenha alguma dúvida, peça para o gerente do banco ou representante da empresa explicar os termos do contrato.

Empréstimo online: solicite sem sair de casa
Simplic: empréstimos de R$ 500 a R$ 2.500.
Lendico: empréstimos de R$ 2.500 a R$ 50 mil.
BomPraCrédito: compare e contrate empréstimos de diferentes bancos

4. Pense se a parcela que será descontada não vai fazer falta em seu orçamento

E não vale considerar horas e outros trabalhos extras que você pode fazer. A dívida tem que caber no salário fixo que você ganha todos os meses! O pagamento pode durar alguns anos e é importante ter certeza que você consegue viver sem essa quantia no mês durante todo o tempo da dívida.

5. Evite fazer empréstimos para ajudar outras pessoas

Mesmo se for um pedido de um parente ou amigo próximo. Afinal, se ele deixar de pagar a dívida, você não conseguirá interromper o desconto das parcelas do consignado e sairá no prejuízo, podendo inclusive ter o nome sujo caso não consiga quitar o empréstimo.

Saiba mais sobre o empréstimo consignado

Esclareça 13 dúvidas importantes sobre o empréstimo consignado.




comentários