Vale a pena antecipar a restituição do Imposto de Renda?

Antecipar a restituição do Imposto de Renda é indicado para quitar dívidas mais caras que precisam ser pagas com certa urgência. Saiba mais!

Vale a pena antecipar a restituição do Imposto de Renda?

Existe a possibilidade de receber a quantia da restituição do Imposto de Renda antes do prazo dado pelo Governo Federal. Os bancos antecipam até 100% do valor, mas isso tem um preço. As instituições liberam o dinheiro na forma de um empréstimo e com juros mensais. Veja abaixo em quais casos antecipar a restituição do IR pelos bancos é um bom negócio!

Será que antecipar a restituição do Imposto de Renda (IR) compensa?

Como os bancos cobram juros para fazer o empréstimo, você vai pagar mais do que o valor que emprestou. Por isso, converse com o gerente e veja qual será a quantia exata que você ficará devendo no final e precisará cobrir com a restituição do IR.

Quando antecipar a restituição do Imposto de Renda?

Se você quiser trocar uma dívida cara por uma mais barata, a antecipação valerá a pena. É importante colocar no papel o pagamento que está pendente e o valor que o banco emprestará proporcional à restituição do titular. Vale lembrar que, em alguns casos, mesmo que o empréstimo cubra a dívida atual de forma imediata, pode ser mais vantajoso aguardar o depósito da restituição para quitar as dívidas dentro de alguns meses.

Despesas importantes do dia a dia, como água, energia elétrica, regularização de imóvel ou de veículo podem ser cobertas pela antecipação do Imposto de Renda. Quando o pagamento dessas dívidas é feito, automaticamente os riscos de ter o abastecimento cortado ou perder algum bem diminuem.

Em quais casos não antecipar a restituição do IRPF?

Não vale a pena antecipar o valor se você quer esse dinheiro para comprar eletrodomésticos, móveis e outros bens, por exemplo. Nesses casos, converse com a loja e veja se você consegue pagar o produto a prazo, mas sem juros. Outra opção é verificar no estabelecimento a possibilidade de contratar um empréstimo para que a compra possa ser feita.

Muitas vezes, a aquisição de móveis e outros equipamentos para casa pode esperar, e a melhor alternativa é aguardar o depósito da restituição que será feito pela Receita Federal e pagar à vista pelos itens que deseja comprar.

Fique atento na hora de preencher a declaração!

Se a sua declaração do Imposto de Renda estiver errada, o Governo vai segurar o reembolso até você regularizar a situação. Quando isso acontece, a dívida com o banco fica maior. Por isso, olhe com calma o contrato que você vai assinar antes de fazer o empréstimo e veja os juros e multas que serão cobrados se a sua restituição atrasar.

Além disso, a dívida deve ser paga em parcela única, na data que você receber a restituição. Como o valor ficará disponível integralmente quando a Receita liberá-lo, os bancos já efetuam o desconto automático do empréstimo com as taxas de juros e demais encargos.

Antecipação da restituição do IRPF nos principais bancos

Para solicitar a antecipação de valores do Imposto de Renda, os interessados precisarão ter conta corrente aberta nos bancos, encaminhar o comprovante da declaração pelos canais disponíveis e selecionar a instituição como recebedora. Veja abaixo as condições de cada banco.

Banco do Brasil

O empréstimo do Banco do Brasil para antecipar a restituição do Imposto de Renda pode chegar a R$ 20 mil, sendo que o banco pode adiantar até 100% do valor a ser recebido. A contratação do CDC Antecipação IRPF, como é comercializado pelo BB, pode ser feita nas agências do banco ou nos canais eletrônicos, mediante apresentação da declaração e aprovação do crédito.

Bradesco

O Bradesco permite antecipar até 100% da restituição do Imposto de Renda pelos canais eletrônicos do banco (internet banking e App Bradesco) e nas agências. O empréstimo pode variar entre R$ 200 e R$ 50 mil.

Caixa Econômica Federal

Na Caixa, o empréstimo para antecipar a restituição do Imposto de Renda é limitado a 75% do valor total a ser devolvido pela Receita Federal. O cliente precisa ter uma conta corrente na Caixa e, no ato da solicitação, apresentar a declaração do Imposto de Renda.

Santander

O Santander libera até 100% do valor da restituição nas agências, internet banking e aplicativo. O cliente deve receber a quantia na conta corrente do Santander e ser aprovado na análise de crédito. O pagamento pela antecipação é feito de uma única vez, assim que a Receita Federal libera o valor na conta corrente.

Itaú

O Itaú não informa o quanto antecipa da restituição do Imposto de Renda para os clientes, pois o valor dependerá da análise de crédito feita pelo banco. No entanto, o empréstimo pode ser liberado nos canais eletrônicos de atendimento, telefones e nas agências. O pagamento da antecipação é feito de uma única vez por débito automático.

Entenda a restituição do Imposto de Renda

Todo ano, o Governo devolve dinheiro para quem pagou impostos a mais no ano anterior – que é a restituição do Imposto de Renda (IR). Esse valor começa a ser pago em meados do mês de maio e vai até dezembro.

Veja também!

Empréstimo online: compare em diferentes bancos
Acesse nosso comparador de empréstimos e receba ofertas de várias financeiras.





Solicite seu empréstimo

Guilherme Prado: graduado e mestre em administração de empresas pela EAESP-FGV. Empreendedor há 21 anos, escreve sobre finanças pessoais há 8 anos.


Siga-nos nas redes sociais

Copyright © 2020 Konkero. Todos os direitos reservados.

Regras de uso do site Política de privacidade
Google Safe Secured SSL