Empréstimo consignado ou empréstimo pessoal: qual é o melhor?

Compare as vantagens e desvantagens de fazer um empréstimo consignado ou empréstimo pessoal e escolha a melhor opção para o seu bolso!

Empréstimo consignado ou empréstimo pessoal: qual é o melhor?

Se você já precisou pegar um empréstimo para cobrir uma emergência, provavelmente conhece o empréstimo consignado e o empréstimo pessoal. Mas você sabe dizer as principais diferenças entre eles? Nós relacionamos as principais características desses dois tipos de empréstimo para você encontrar qual é o ideal para o seu perfil. Confira!

Como funciona o empréstimo pessoal

Também conhecido como crédito pessoal, o empréstimo pessoal funciona assim: quando o crédito que pediu é aprovado, você recebe o dinheiro na sua conta corrente ou pode sacá-lo em algum caixa. O pagamento dessa dívida é feito com parcelas mensais, no prazo combinado em contrato, geralmente por pagamento de boletos e carnês.

Você pode usar o dinheiro do empréstimo pessoal para comprar qualquer tipo de bem ou serviço. Mas paga juros bem altos para o banco, porque nessa categoria de empréstimo ele não possui uma garantia de pagamento, desta forma, para diminuir o risco de ter prejuízos o banco acaba aumentando a taxa de juros.

O empréstimo pessoal não possui um público específico. Maiores de 18 anos que consigam comprovar renda podem facilmente obter o crédito, em alguns casos até mesmo se estiverem negativados.

Esclareça 13 dúvidas importantes sobre o empréstimo pessoal.

Como funciona o empréstimo consignado

Também conhecido como crédito consignado, o empréstimo consignado possui algumas restrições. Só pode solicitar esse tipo de empréstimo quem trabalha com carteira assinada, é funcionário público, aposentado ou pensionista do INSS. Mas quando você tem o empréstimo aprovado, também pode usar o dinheiro como quiser.

Uma das principais diferenças entre o empréstimo pessoal e o consignado está no pagamento da dívida. No consignado, o valor das parcelas sai mensalmente do seu salário ou aposentadoria antes mesmo de o dinheiro cair na sua conta. Ou seja, você é obrigado a fazer o pagamento todo mês, mesmo que tenha algum imprevisto.

Outra diferença está no valor dos juros. Como o banco tem mais segurança em relação ao pagamento das parcelas, os juros do consignado costumam ser menores que os juros cobrados em um empréstimo pessoal.

Esclareça 13 dúvidas importantes sobre o empréstimo consignado.

Qual é melhor: empréstimo pessoal ou consignado?

Se você faz parte dos grupos que podem fazer o empréstimo consignado, prefira esse crédito. Os juros são menores e você vai economizar bastante no final! Só para você ter uma ideia, a média da taxa de juros dos cinco maiores bancos para empréstimo pessoal é de 3,38% ao mês, contra 1,5% do empréstimo consignado do INSS.

Essa diferença significa pagar R$ 1.328,88 a mais em juros de um empréstimo pessoal de R$ 10 mil do que em um consignado do INSS (considerando pagamento em 12 meses – de acordo com taxas informadas ao Banco Central em 25/08/2020).

O pagamento do crédito consignado não irá comprometer minha renda?

As parcelas do empréstimo consignado são descontadas da folha de pagamento dos servidores públicos, aposentados e pensionistas do INSS. No entanto, o valor da parcela não pode ultrapassar 30% do salário ou do benefício mensal recebido pelo cliente. Trata-se da margem consignável, limite que diminui os riscos de quem solicitou o crédito ficar negativado. Veja como calculá-lo sobre o seu salário.

Compare as vantagens e as desvantagens destes dois créditos

Empréstimo ConsignadoEmpréstimo Pessoal
A forma de pagamento ajuda você a se organizar, porque o dinheiro da parcela sai direto do seu salário ou do benefício. Por outro lado, se você precisar do dinheiro da parcela em algum mês, não existe a possibilidade de receber o salário inteiro, sem o desconto da dívida.Você deve ter disciplina para quitar a dívida mensalmente e não deixar o nome ficar sujo.
Os juros costumam ser mais baixos do que os do empréstimo pessoal, pois o banco tem mais certeza de que receberá o dinheiro emprestado.As taxas de juros estão entre as mais altas do mercado. Isso significa que você pagará muito mais nesse empréstimo, principalmente se escolher as financeiras.
Poucas instituições financeiras liberam o consignado sem consultar o CPF.A aprovação costuma ser facilitada, porque o empréstimo custa caro.
Você pode pegar um consignado para quitar uma emergência.É uma opção melhor do que o limite do cheque especial.
Existe um limite no valor do empréstimo e ele é determinado conforme o salário ou o benefício que você recebe, então, o risco de você pegar mais do que precisa e se endividar é menor.É fácil pegar mais dinheiro do que você precisa. Portanto, o risco do endividamento é maior.
Empréstimo online: compare em diferentes bancos
Acesse nosso comparador de empréstimos e receba ofertas de várias financeiras.

Veja também!



Solicite seu empréstimo

Guilherme Prado: graduado e mestre em administração de empresas pela EAESP-FGV. Empreendedor há 21 anos, escreve sobre finanças pessoais há 8 anos.

Siga-nos nas redes sociais

Copyright © 2020 FinanZero. Todos os direitos reservados.

Regras de uso do site Política de privacidade
Google Safe Secured SSL