Faça um consórcio e leve a sua família para a Disney! - Konkero
ATENÇÃO! Nunca solicitamos depósito ou pagamento para liberação de empréstimo. Isso é ilegal.

Faça um consórcio e leve a sua família para a Disney!

Realize seu sonho de levar a família para conhecer a Disney com um consórcio de viagem.

Acredite, conhecer a Disney com a família é um sonho que está cada vez mais perto de se tornar realidade. Você pode fazer um consórcio, por exemplo, e visitar a terra do Mickey sem perder o controle do seu orçamento. Planejando a visita dos parques e os gastos com hospedagem antecipadamente, você consegue ter uma ideia do valor necessário para fazer entrar em um consórcio e realizar esse sonho.

Gostou da ideia? Então, vale saber um pouco mais sobre o consórcio.

Como funciona o consórcio de viagem

Uma empresa que administra consórcios abre um grupo para quem está interessado em pegar o dinheiro para viajar. Neste grupo, todo mundo paga parcelas mensais e tem as mesmas chances de ser sorteado todo mês.

Quem é sorteado recebe a carta de crédito, ou seja, o dinheiro do consórcio, continua pagando as parcelas, mas já pode fazer a viagem. Então, se você acha que vai gastar R$ 10 mil para conhecer a Disney com a sua família, pode entrar em um consórcio desse valor e começar a pagar as parcelas.

O ideal é entrar em um consórcio com duração de um ou dois anos para programar com antecedência quando você pode sair de férias. A principal vantagem do consórcio é ser mais barato do que um empréstimo pessoal ou financiamento, que tem juros mais elevados, além de ser uma forma de guardar dinheiro todo mês.

O que você precisa saber

O consórcio de viagem costuma durar de um a quatro anos, de acordo com o plano que você escolher. Isso significa que você pode ser sorteado logo no começo ou apenas no final do prazo. Por isso, costuma ser uma boa opção se você não está com pressa de viajar.

Dá para ser contemplado antes

Se você não for sorteado pode dar um lance pela carta de crédito, que é o maior valor que você consegue pagar à vista naquele mês. Mas atenção: só leva a carta de crédito quem dá o lance mais alto. Por isso, mesmo que você ofereça o lance, não há garantia de que conseguirá a viagem naquele mês.

Saiba mais sobre o consórcio de viagens

Ficou com alguma dúvida? Clique aqui e esclareça tudo sobre o assunto.