3 cartões para usar quando viajar ao exterior

  • Google+
  • LinkedIn

Compare e escolha a melhor opção entre crédito, débito ou pré-pago para fazer as compras na sua viagem internacional.

Cartao usar exterior



Se você está com viagem marcada para outro país e tem dúvidas sobre como pagará as contas, saiba que o cartão de crédito é apenas uma das opções que você pode levar. Existem dois tipos de cartão, além do crédito, para usar no exterior: o débito e o pré-pago. As condições e as formas de pagamento mudam entre eles, por isso, conheça as principais características de cada um antes de fazer a sua escolha.

Entenda o cartão de crédito internacional

Antes de pedir um cartão de crédito, confirme com o banco se ele poderá ser usado em compras no exterior, ou seja, se ele é internacional. Caso já tenha um, procure pela palavra “internacional” na parte de trás do cartão. Se encontrar “valid only in Brazil”, significa que são estão liberadas somente as compras feitas por aqui. Na dúvida, não deixe de ligar no atendimento do banco. Descubra também qual o seu limite, pois você não conseguirá gastar mais do que esse valor.

Vantagens de usar o cartão de crédito internacional

Com o cartão de crédito, você só quita as compras algum tempo depois da viagem e consegue concentrar os gastos em uma única data – no vencimento da fatura. Além disso, esse cartão internacional normalmente oferece programas de recompensas em que você acumula pontos para trocar por serviços e produtos, como passagens aéreas.

Desvantagens de usar o cartão de crédito internacional

As compras feitas no exterior são lançadas normalmente na fatura do cartão, mas a conversão da moeda estrangeira para o real é feita no momento em que a fatura fecha. Isso significa que o valor gasto pode ser maior do que o previsto. Então, é mais fácil perder o controle do quanto ainda daria para comprar. Sem contar que, por se tratar de uma compra internacional, é cobrado um Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) de 6,38% em cada compra feita.

Atenção! Todo mundo que decide usar o crédito no exterior, deve notificar o banco sobre a viagem. Caso contrário, a primeira compra internacional que você fizer pode ser entendida como uma clonagem, e automaticamente o cartão será bloqueado. Normalmente, dá para avisar sobre a viagem acessando o internet banking. No caso do Itaú, o cliente recebe uma confirmação por e-mail e/ou celular de que o aviso deu certo.

Compare alguns cartões de crédito internacionais antes de decidir qual pedir.

Como funciona o cartão de débito internacional

O cartão de débito também precisa ter a função internacional, então, confirme essa informação antes de viajar. Aproveite também para perguntar sobre o limite do quanto você pode gastar. Se for baixo, negocie com o gerente. Assim como exige o cartão de crédito, você precisa notificar o banco sobre a sua viagem para que as compras no exterior sejam desbloqueadas.



Vantagens de usar o cartão de débito internacional

Apesar de ter a mesma taxa que o cartão de crédito, no débito você sabe exatamente quanto está gastando na hora em que carrega o dinheiro na moeda estrangeira – e isso ajuda a não gastar mais do que o planejado.

Desvantagens de usar o cartão de débito internacional

Por outro lado, ele não oferece a opção de empurrar o pagamento para o mês seguinte, não tem programas de recompensas e cobra o IOF por cada compra, assim como no crédito.

Ainda tem dúvidas? Compare mais características entre o débito e o crédito.

Cartão pré-pago para usar no exterior

Mais seguro do que levar dinheiro na carteira, o cartão pré-pago é a terceira opção aceita no exterior. Quando for pesquisar o que existe no mercado, olhe as condições somente dos cartões internacionais. Segundo a Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (ABECS), o pré-pago é indicado para quem gostaria de um planejamento financeiro maior. Isso porque dá para carregá-lo mensalmente antes da viagem e guardar aos poucos o dinheiro que gastará por lá.



Vantagens de usar o cartão pré-pago no exterior

Você paga menos do que gastaria se pedisse um cartão de crédito internacional, consegue fazer saques, transferências online e depósitos, e não precisa comprovar renda. Além disso, não é necessário ter conta em banco e o limite de gasto será o valor que você carregar. No momento em que coloca dinheiro no cartão, você sabe o valor exato que gastará nas compras – diferentemente do que acontece no cartão de crédito.

Desvantagens de usar o cartão pré-pago no exterior

Também é cobrado o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) de 6,38%, e não tem como usá-lo se o dinheiro acabar. Além disso, o pré-pago não oferece programas de recompensas e cobra taxas por alguns serviços. Conheça sete cartões pré-pagos comuns atualmente e compare as condições de cada um.





Comentários:

Atualmente recebemos centenas de perguntas todos os dias. Com isso, os comentários não serão respondidos mais pela equipe Konkero. A intenção é que os próprios usuários ajudem uns aos outros. Não nos responsabilizamos por erros, omissões ou imprecisões nas nossas respostas uma vez que elas não substituem a orientação de especialistas como advogados, contadores, especialistas em finanças etc. Importante: quando você faz um comentário, ele fica público nessa página após a aprovação da nossa equipe e também será publicado em sua timeline no Facebook de acordo com suas configurações de privacidade. Nos reservamos o direito de excluir comentários considerados inapropriados, ofensivos ou de divulgação de produtos e serviços.