Registrato Banco Central: como funciona

Conheça como funciona o sistema do Registrato e saiba consultar suas operações de crédito e relacionamento com instituições financeiras. Confira!

Negocie-suas-dívidas-online-no-site-do-SCPC-até-dezembro

O Registrato é um sistema criado pelo Banco Central do Brasil e tem a intenção de facilitar a vida dos cidadãos. Através dele, o usuário consegue fazer a consulta online e gratuita de relatórios com informações sobre suas operações de crédito, bem como saber sobre seus relacionamentos com instituições financeiras. O que, antes do sistema Registrato, só era possível de forma presencial em uma centrais de atendimento ao público do Banco Central, ou pelos Correios, mediante o envio de uma documentação autenticada.

Confira como funciona e entenda como se cadastrar para usar esse sistema do Banco Central!

Como funciona o Registrato

Registrato significa “Extrato de Registro de Informações no Banco Central” e trata-se de um sistema administrado pelo Banco Central do Brasil, onde constam seus relacionamentos com instituições financeiras, ou seja, contas abertas em bancos ou outros tipos de vínculo. Além de informações sobre as suas operações de crédito, ou seja, empréstimos ou até mesmo dívidas que você tenha com instituições financeiras.

Através do Registrato, o cidadão tem acesso a dois tipos de relatório. Veja quais são eles:

  • Cadastro de Clientes no Sistema Financeiro – CCS: Esse relatório mostra uma lista de instituições (bancos, financeiras, entre outras) com as quais você tem, ou teve, relacionamento. Isso facilita a encontrar contas abertas que você não se lembrava, por exemplo.
  • Sistema de Informações de Crédito – SRC: Através desse relatório, o cidadão consegue identificar informações sobre operações de crédito, sejam elas financiamentos, empréstimos, entre outras. Constam nesse relatório todas as operações de valor igual ou acima de R$ 200 reais, bem como a instituição onde o crédito foi contratado.

O Banco Central apresenta esse sistema com a proposta de facilitar a vida do cidadão, afinal, antes dele, essas informações só podiam ser obtidas pessoalmente em uma central de atendimento ao público do Banco Central ou mediante o envio de documentos autenticados pelos Correios. Com o Registrato, as informações ficam todas mantidas no sistema do Banco Central e, assim, o cidadão pode fazer a consulta quando precisar.

Como usar o sistema Registrato do Banco Central

Para usar o sistema, é necessário ter acesso ao internet banking de sua conta atual, pois será feita uma verificação diretamente no seu acesso ao banco. Entenda melhor como usar o Registrato do Banco Central.

O primeiro passo para acessar o sistema é o usuário acessar a página do Registrato no site do Banco Central e selecionar se vai fazer o cadastro como pessoa física ou jurídica.

registrato 01

Ao selecionar a opção desejada, você será redirecionado para a seguinte página, onde deverá escolher a opção “Obter frase de segurança“. É essa frase que te assegura de que as suas informações são totalmente confidenciais.

registrato 02

Em seguida, você será encaminhado para uma página onde deverá preencher todos os dados solicitados: CPF, data de nascimento, primeiro nome da mãe e instituição financeira (o banco onde você possui conta atualmente). Lembre-se de preencher esses dados de acordo com o que foi registrado na Receita Federal. Caso algum dado esteja errado, você não vai conseguir ter acesso ao sistema.

Atente-se ao código da imagem, pois ele reconhece letras maiúsculas e minúsculas. Assim, caso tenha dificuldades, você pode optar por ouvir o código.

registrato 03

Ao terminar de preencher, clique em confirmar e você vai receber uma frase de segurança. É preciso copiar essa frase e, em seguida, acessar o internet banking do seu banco para validá-la.

Dentro do acesso do internet banking, você pode procurar pelo validador do Banco Central. Caso tenha dificuldades em encontra-lo,  utilize a barra de busca para pesquisar por “Registrato“. Feito isso, você deverá colar a frase de segurança e selecionar a opção “Validar“. Essa operação normalmente pede a sua senha do internet banking, ou Token (código de segurança).

Importante! Essa frase só pode ser usada dentro do prazo de 48 horas, após isso você vai precisar realizar todo o procedimento novamente para obter uma nova frase.

registrato 04

Depois de validar a frase de segurança no seu internet banking você deve retornar ao primeiro menu e selecionar desta vez a opção 3 – Cadastrar. Feito isso, você será encaminhado para a página de Autocredenciamento, onde deverá preencher todos os campos obrigatórios.

registrato 05Ao preencher os dados corretamente, você receberá uma senha provisória para acessar o seu cadastro no Registrato. Essa senha deverá ser alterada logo no primeiro acesso.

Registrato 06Para fazer o login, basta clicar aqui e inserir o número do seu CPF sem o dígito, bem como a senha provisória. Depois, será preciso registrar uma nova senha.

 registrato 07

Quais são as vantagens do Registrato do Banco Central?

Através do Registrato, você tem acesso às suas principais informações financeiras em apenas um lugar – sem precisar sair de casa! Esse sistema te ajuda a identificar dívidas no cartão de crédito, cheque especial, financiamento, entre outras. Além de te auxiliar na identificação de contas em bancos no seu nome e, com isso, te protege do endividamento através das taxas de serviços cobradas pelas contas que você esqueceu de fechar. Os relatórios do Registrato ainda podem te ajudar a comprovar um bom histórico de crédito. Assim, você pode conseguir benefícios na contratação de um empréstimo, como taxas de juros menores, ou um prazo de pagamento facilitado, por exemplo.



Veja também!

 

 




comentários